One Tree Hill 9x02 - In the Room Where You Sleep


Se antes todos os seus demônios estavam aqui, agora definitivamente eles não querem ir embora.

Essa frase define exatamente o drama que Nathan e Haley estão vivendo com a volta de Dan. E parece que o maior vilão de todos tempos das séries de tv não vai embora nem tão cedo, tanto que já prometeu isso a Jamie, contrariando todas as vontades de Nathan. Haley fica sem saber o que fazer nesse história, a moça já tem um lado mais sensível e fica na dúvida quando pensa nas vezes que Dan já salvou seu filho.

Creio que a presença de Dan seja de grande ajuda agora que Nathan (mesmo sendo muito cedo) teve que voltar pra Europa por causas dos problemas de Clay que se recusa a buscar ajuda contra seus problemas de sonambulismo. E quem mais sofre com essa situação é Drama Quinn, pois é, drama é seu codinome. Desde que chegou a série seus maiores plotes foram envolvendo bastante sofrimento e choro (muito choro). Mas sinceramente isso não é ruim, Shantel Van Santen sabe segurar a peteca no quesito drama, quantas vezes nos emocionamos no início da temporada passada com a história dos tiros, com certeza ficou isso bem gravado em nossas memórias.

Outra história que está me agradando é a de Alex. A moça começou na série sendo odiada por tentar destruir o relacionamento de Brooke e Julian, mas hoje consigo me importar de verdade com todos os seus dramas, seja de relacionamento ou até mesmo da parte musical que por sinal está indo muito bem. Até a temporada passada nunca havia pensado que Alex pudesse ter tanto talento e essa dobradinha com Chris Keller está fazendo tudo melhorar. Chris sempre foi muito cretino e é essa pegada canalha do rapaz que trás o ar de comédia que tanto precisamos e que sempre foi marca registrada na série.

E é esse ar de comédia que também estão tentando implantar em Mouth e Millie, mas que sinceramente não deu certo. Faz tempo que Mouth virou um personagem insignificante dentro da série e se nem com uma história mais dramática a gente conseguia se importar, não é agora com essa história de estar engordando que isso vai mudar. É uma pena, pois me simpatizo com a Millie.

Ao contrário de Mouth, um personagem que nos importamos e muito é Brooke. A moça está vivendo uma vida feliz com Julian e os gêmeos. De quebra ela ainda conta com a ajuda de Victória que agora adora preparar algumas surpresas, como por exemplo, o café da manhã que deixou Julian louco pelos “coffe cakes”. Mas ao que parece, o verdadeiro drama pode estar bem perto de chegar à vida de Brooke agora que ela está querendo lançar uma nova linha de roupas junto com Ted. Brooke sabe que nunca teve uma relação de verdade com o pai e está mais do que óbvio que essa aproximação tão repentina de Ted só pode ser por interesse. Pelo visto veremos Brooke sofrer mais uma vez, por sorte, como é ultima temporada isso não durará muito.

One Tree Hill está nos proporcionando até agora episódios muito bons de assistir e que estão bem no estilo da série. Com drama na medida, comédia na medida e uma trilha sonora de arrasar. Continue assim até o final Tio Mark!

PS: Apesar de gostar da abertura com "I don't wanna be", ainda prefiro a abertura com fundo preto ao  invéz daquelas versões ridículas que fizeram no ano passado. Alguém concorda?

PS²: Chuck e Chase continuam insignificantes, apesar da Alex.
Share on Google Plus

About Wellington Laurindo

Não vive sem música e tem em sua mente uma trilha para cada momento/ período de sua vida. Na vida de seriemaníaco há uns cinco ou seis anos, mas com um background de seriados clássicos desde sua infância. Está deixando a vida ditar por si própria os caminhos que deve seguir e esperando que isso venha dar certo. (@Wellington_Ign)
    Blogger Comment
    Facebook Comment