Glee 3x14 - On My Way

A vida é muito curta. Devemos viver cada dia como se fosse o último, ouviu David Karofsky.



Finalmente chegou a Regional e com ela um excelente episódio de Glee. Nunca imaginei que fosse me emocionar tanto nesta série. Roteiro estava impecável, com grandes diálogos e lições de vida. O mais engraçado nisso tudo é que a série se perdeu durante este processo, e hoje ela conseguiu transmitir tudo aquilo que precisa ter transmitido quando chegou. Quem imaginaria que a tentativa de David Karofsky em se matar fosse proporcionar um episódio tão emocionante como este? E detalhe: com Regionais em sua homenagem.

O garoto que veio para infernizar a vida de Kurt quase saiu do armário, mas justamente numa hora ruim. O mais engraçado nisso tudo foi a forma como isso aconteceu. Blaine arrasava nos vocais e cenas sobre David iam sendo mostradas, como se naquela hora Blaine estivesse cantando a música de trilha sonora para a situação. Quem assiste a série sabe muito bem o que David aprontou com Kurt e ver o rapaz passando pelas mesmas coisas que ele fazia, ou até pior, foi uma jogada de mestre. Achei muito interessante colocar ele como alvo e ainda por cima tentar o suicídio. Claro que no final ainda tivemos uma cena linda entre ele e Kurt e o garoto sobrevivei a tudo isso, mas que foi legal ver tudo isso, foi sim.

A forma como isso foi tratado no episódio, conseguindo equilibrar o drama com cenas de comédia, foi o ponto alto do episódio. Pela primeira vez as músicas não foram as protagonistas do seriado, mas sim o roteiro. A lição de que devemos aproveitar a vida ao máximo foi bem colocada. Inclusive Rachel e Finn percebem isso depois da diva recusar uma chantagem de Sebastian. O vilão também se readmitiu e arrasou na Regional. Mas a parte mais importante não era saber e ver The New Directions vencendo a competição, e sim o grande casamento de Rachel e Finn.

Realmente Ryan conseguiu superar todas as expectativas e provou que Finchel tem tudo para continuar arrecadando fãs no mundo inteiro. Há alguns dias saíram boatos (e talvez seja verdade) de que Lea Michelle (a Rachel) e Cory Monteith (o Finn) estariam namorando. Se estão ou não estão a gente não sabe, mas o que com certeza sabemos é que existe uma linda química entre eles. E claro que eu estava torcendo para o casamento dos dois. Quem não estaria? Mas como tudo em Glee é complicado, nada melhor do que terminar o episódio com um cliffhanger muito bem oportuno.

Como vocês sabem, a vida de Quinn finalmente estava voltando aos eixos e a ex líder de torcida tinha realizado quase todos seus sonhos. Passou em Yale, iria voltar para as cherrios e seria a madrinha de Rachel. Mas por causa de um acidente, pode ser que a moça não apareça no casamento e Rachel e Finn não se casem, pelo menos por enquanto. Eu ainda acho que os dois se casarão e que Quinn estará bem, mas como em Glee nada é como imaginamos, nunca se sabe o que pode acontecer, afinal se até a Sue engravidou, Quinn poderia até perder a memória.
Share on Google Plus

About Gabriella Siggia

Formada em Direito, eterna estudante, bem humorada, alto astral e alegre, mora em São Paulo. Viciada em músicas, filmes e seriados americanos. Seriemaníaca de carteirinha! Mantém um blog pessoal em : http://gabyscseries.blogspot.com/ (@gabyever)
    Blogger Comment
    Facebook Comment