Supernatural 7x15 - Repo Man


Lúcifer voltou. E que retorno!


Parece mentira que esta 7ª temporada de Supernatural está mantendo os níveis das primeiras temporadas, depois do fracassa da temporada passada, finalmente Supernatural vem traçando seu destino e provando que os erros estão sendo corrigidos aos poucos.

Depois que Bobby e Castiel morreram, Sam e Dean retornaram as suas raízes. Mas foi justamente neste episódio que vimos e descobrimos que Sam continua tão perdido quanto antes. Lúcifer ainda faz parte de sua vida, de sua mente e estava lá com ele durante todo este tempo e ainda está. Sam tenta de todas as maneiras ignorá-lo, mas foi só Dean desaparecer para ele dar atenção à Lúcifer e assim, permitir o seu retorno. E para mim é muito gratificante ver isso. Todos nós sabemos que às vezes temos uma ideia e não sabemos da onde ela veio. Foi justamente isso o que os roteiristas fizeram e construíram em cima de Sam neste episódio. Quando o rapaz achava uma peça do quebra cabeça, quem tinha dado a dica era Lúcifer. Uma jogada de mestre.

Mas a grande surpresa do episódio foi vermos que o demônio da vez não era um demônio literalmente, mas sim um cara comum. Na verdade este cara tinha sido possuído por um demônio e foi justamente Sam e Dean que o salvaram. Mas Jeffrey (o rapaz) ainda se sentia preso ao demônio, e precisava dele para continuar suas tramoias. E mais uma vez os roteiristas nos dão de presente um serial killer. Se você nunca pensou como um serial pensava e agiria com o auxílio de um demônio, depois de assistir a este episódio, você acaba achando respostas. Realmente um demônio e um serial killer se completam.

Para tanto, Jeffrey precisava invocar este demônio para só assim ser feliz e completo novamente. Um paralelo com os alcoólatras e dependentes químico, que também só sentem completos e felizes com o seus vícios. Novamente parabéns aos roteiristas. E adivinha quem foi a vítima e a pessoa necessária para completar este ritual? Isso mesmo, Dean. Triste mesmo foi ver o cachorrinho sendo sacrificado. No final tudo deu certo e Dean matou Jeffrey e o demônio foi exorcizado para voltar para o inferno, mas até vimos Sam enlouquecendo e conversando com Lúcifer como dois grandes amigos e Dean sendo quase torturado. Mais um episódio maravilhoso de Supernatural, provando que esta sétima temporada está mandando muito bem. 
Share on Google Plus

About Gabriella Siggia

Formada em Direito, eterna estudante, bem humorada, alto astral e alegre, mora em São Paulo. Viciada em músicas, filmes e seriados americanos. Seriemaníaca de carteirinha! Mantém um blog pessoal em : http://gabyscseries.blogspot.com/ (@gabyever)
    Blogger Comment
    Facebook Comment