Freaks Watch On - O que eu assisto por Gabriella Siggia

Boa noite leitores. Eu, Gabriella Siggia estou pronta para falar sobre as séries que eu assisto. Curiosos? Continue lendo.


Primeira série: A primeira série que eu assiti mesmo e acompanhei foi Buffy -  a caça vampiros. Foi graças a este seriado que eu me apaixonei de vez pelo mundo das séries. E ao contrário de muitos, sempre fui Team Spike. Este deve ser o principal motivo por eu sempre torcer pelo outro lado do triângulo amoroso, ao invés do mocinho, sou Team Bad Boy (rs.) Mesmo sendo fã de Buffy, só assistia pela Fox (dublado). Ainda não conhecia o maravilhoso mundo da internet.




Melhor série: tarefa muito complicada. Todos os seriados que eu assisti eu amo. Tenho a coleção quase completa de Supernatural (só a 7ª e atual temporada que não) e The Big Bang Theory, coleção completa de Friends, entre outras séries. Dentre tantos seriados que eu assisti ou continuo assistindo, um deles foi a razão maior de eu ser fanática. E foi graças à seis inseparáveis amigos que eu me apaixonei pelo EUA e por New York. Para mim não existem dúvidas que Friends é o melhor seriado que eu assisti. Nada se compara as loucuras destes 6 amigos. E usando uma frase que minha BFF sempre diz "Friends é Friends, o resto é resto".



Série preferida: Não existe série que eu mais amo que Friends e One Tree Hill. Mas como tenho que escolher uma, vou optar pelo drama. Tudo porque foi graças à One Tree Hill que eu consegui enfrentar meus desafios. Não sei se vocês sabem, mas com este simples seriado, aprendi grandes lições de vida. Meu tio fora assassinado e quando eu vi Keith sendo assassinado pelo próprio irmão, parecia que minha vida estava lá, a dor do Lucas era a mesma que eu sentia. Vi Brooke se transformando em uma grande mulher, presenciei o amor de Naley, vi Lucas amando duas garotas incríveis, estive presente no nascimento de Jamie, Sawayer, Lydia e dos gêmeos Baker, fui convidado para o casamento de Brooke, entre outras coisas que um simples seriado me proporcionou. E por isso e tantas outras coisas, One Tree Hill é a minha série favorita. 


Pior série: A pior série que eu assisti foi Gossip Girl. Confesso que já assisti a série e abandonei lá no início da 2ª temporada e nem Blair e Chuck foram capaz de me segurar. Eita série chata, confusa e muito sem sentido. Não suporto Serena, Dan, Nathan, ninguém de lá. As histórias são completamente chatas e me dão sono. Soube que Blair saio com Dan e agora há um triangulo amoroso entre ela, Dan e Chuck. Como se isso fosse suficiente para salvar o seriado. Poderia ficar aqui falando horas do porque eu não suportar este seriado, mas prefiro parar por aqui.



Quero voltar a assistir: Homeland. Adorei a série. Mas por motivos de falta de tempo e de preguiça para baixá-la, deixei o seriado de lado. Na verdade a razão maior de eu ter parado no 2º episódio foi pelo fato de eu assistir mais de 20 seriados, e sempre um ou dois acabam sendo deixados de lado. Mas prometo que voltarei a assistir quando os meus seriados favoritos entrarem em hiatus para a nova temporada.


Poderia virar filme:  Isso seria fácil responder até uns meses atrás diria que Veronica Mars seria o primeiro seriado que eu estaria louca para ver nas telinhas. Acontece que de lá para cá um seriado querido por mim e pelo fãs terminou de um jeito de quero mais. Estou falando de Chuck. Como assim terminar com a mocinha desmemoriada e sem o herói? Só uma continuação na telinha para saber se ela se lembrou de tudo ou se Chuck teve que reconquistá-la novamente. Por isso escolho Chuck, o espião nerd que me conquistou desde o primeiro episódio da 1ª temporada.




Não quero que acabe nunca: Eita pergunta complicada. Atualmente a série que eu não quero que acabe é One Tree Hill. Porém o seriado já tem data para acabar e eu, de uma maneiro ou de outra, já me acostumei com isso, embora não esteja pronta para dizer adeus. Com o fim de One Tree Hill marcado para o dia 04 de abril deste ano, serie obrigada a me viciar em outro seriado. E eu já sei qual será: Grey's Anatomy. Infelizmente a série também pode estar com os dias contados, por isso desejo que a Tia Shonda tenha pique para mais umas 20 temporadas (rs.). Não quero que Grey's acabe tão cedo. Sou apaixonada pela série e será a minha opção de fã quando me despedi de One Tree Hill. Pronto, desabafei-me!



Se minha vida fosse uma série seria: um drama! O problema é escolher uma única série que represente tudo isso. Acredito que o único seriado que represente bem a minha vida é Private Practice. Sou muito parecida com a Addison. Primeiramente porque somos as típicas protagonistas imperfeitas. Agimos mais pelo impulso do que pela razão. Sofremos muito e até hoje não encontramos o grande amor das nossas vidas. Temos grandes amigos em nossas voltas, entretanto eles não são os únicos. Vivemos na ilusão de que um dia encontraremos o nosso lugar no mundo, ela através da medicina e eu, através da advocacia. Realmente eu e a Addison somos muito parecidas. E é através dos dramas que envolvem a gente, que minha vida daria um bom seriado que nem Private Practice. Qualquer semelhança, é meramente coincidência (rs).


Então, o que achou? Não deixem de comentar e espero que vocês tenham gostado desta nova coluna.
Share on Google Plus

About Gabriella Siggia

Formada em Direito, eterna estudante, bem humorada, alto astral e alegre, mora em São Paulo. Viciada em músicas, filmes e seriados americanos. Seriemaníaca de carteirinha! Mantém um blog pessoal em : http://gabyscseries.blogspot.com/ (@gabyever)
    Blogger Comment
    Facebook Comment