Bones 7x07 - The Prisoner in The Pipe


Bones’ back, baby! ÔÔ hiatus longo, pareceu uma eternidade.


Finalmente tivemos a chance de assistir ao nascimento de baby Bones. Já logo no início do episódio temos um dilema, no mínimo, estranho entre Booth e Brennan. Booth queria que o parto fosse em um hospital, com cuidados médicos e tudo sob controle. Já Brennan queria um parto caseiro, onde ela tivesse o controle da situação. Tá, por um lado nós sabemos que Brennan, sabichona como é, gosta de saber e ter o controle de tudo. Mas por outro lado, fica um pouco difícil imaginar uma mulher tão bem informada como ela preferindo dar à luz sem cuidados médicos, uma vez que algo poderia dar errado e houvesse a necessidade de realizar uma cesariana. Pelo menos Brennan ‘deixou’ Booth batizar a filha em troca do parto em casa.

Aí entra uma das partes mais engraçadas. Booth pedindo ajuda a Sweets para convencê-la à ideia do hospital usando sua amizade como barganha. Quem não riu com Booth afirmando “No soccer!” e Sweets com cara de criança que deixou o sorvete cair “Doooon’t say that.” E o que foi aquela cena de Angela e Cam tentando convencer Brennan a “ser mais descolada” ao supor que a vítima sofreu um esfaqueamento. Me lembrou aqueles filmes antigos em que os amigos mais descolados tentavam convencer o mais frágil a fumar ou beber para poder fazer parte da turminha.

Outro fato bem inacreditável foi Brennan “passear” em meio aos prisioneiros à procura do assassino. Mesmo ela, tão racional como é, saberia o risco de tal atitude, principalmente para uma mulher. Ainda bem que seu instinto de “prisioneiros não farão nada comigo por que estou grávida” funcionou, até o momento em que Booth chegou batendo no homem que ameaçou matá-la.

E Booth também teve seus momentos hilários. Fez de tudo para que eles saíssem da prisão o mais rápido possível, já que Brennan estava de 9 meses exatos. E, ainda assim, Brennan entrou em trabalho de parto no meio dos prisioneiros. A cena dos dois no carro correndo para chegar a um hospital foi impagável! E tanta briga pelo dilema do local do parto para tudo acabar em uma estrebaria e Christine Angela nascendo em uma manjedoura.

Aliás, adorei o nome Christine Angela, em homenagem à mãe da Brennan e à melhor amiga dela. Bones voltou arrasando com esse episódio lindo e engraçado!

PS: Só eu achei que Baby Bones nasceu muito limpinha e caladinha?


Stay tunned for scenes of our next episode:

 [PROMO] 7x08 – The Bump in The Road



Share on Google Plus
    Blogger Comment
    Facebook Comment