Glee 3x17 - Dance with Somebody


Depois de Bee Gees, o coral presta a sua homenagem à Diva Whitney Houston.


Depois de assistir ao 17º episódio desta 3ª temporada, só tenho que dizer uma coisa: que episódio emocionante. Já na primeira cena, com a abertura do episódio onde Mercedes canta em acapela a música "How Will I Know" e divide os momentos de Diva com Santana, Rachel e Kurt, meus olhos encheram de lágrimas. Senti toda a emoção com esta cena numa belíssima performance. 

Claro que a homenagem à Whitney seria emocionante. E mais uma vez vimos Will dar uma tarefa aos seus alunos: cantar uma música da própria homenageada. Isso nem foi uma surpresa. Mas no fim, ao ver a história de cada um, como eles mudaram nestes 3 anos e realmente me dei conta que eu acompanhei esta crescimento. Nunca imaginaria um dueto entre Rachel e Santana e hoje isso já é possível. Amei as duas tendo uma conversa sincera e querendo tentar serem amigas nestes últimos 42 dias de high school. 

Novos dilemas foram colocados neste episódio e outras histórias retornaram. Quinn parece que está tentando banca uma de difícil e aguentar a situação da cadeira de rodas, mas na verdade a moça está bem triste e se colocando para baixo. Ela ainda não explodiu, mas uma hora irá explodir e coitados daqueles que estiverem por perto. Achei legal colocarem o vencedor do The Glee Project, o Joe na série, como possível par romântico para ela. A química dos dois é realmente intensa. Agora preciso dizer o quanto eu ri quando Joe (super religioso) foi conversar com Sam (o ex da Quinn que já foi strip) sobre seus sentimentos que na verdade se tratava do fato dele se sentir excitado com a loira. Só em Glee mesmo. Bom, pelo menos, deu a entender que Joe e Quinn estão começando algo romântico na série. Será que só assim para a moça tomar jeito.

Enquanto os alunos enfrentavam o desafio de escolher a música certa para cantar, Will enlouquecia Emma e a nós com seu desespero em adiar o casamento deles para maio. Claro que tudo isso não se passava de mais um ataque de nervos e tristeza pelo fato do Glee Club estarem o abandonando. Atitude de criança mimada esta do Will em não querer abandoná-lo. Cresça Willian, cresça! 

Já o nosso queridinho casal Klaine passava por seus momentos complicados com a possível separação e com a suposta traição de Kurt com Chandler (mais alguém percebeu a indireta à Friends?). Nosso gay predileto e também conhecido como porcelana começou a trocar torpedos com este rapaz que conheceu numa loja de discos. Acontece que tais mensagens era muito obscenas e, como em Glee e na nossa vida, tudo que escondemos um dia aparece da pior maneira possível, Blaine viu tais mensagens e simplesmente se sentiu traído. Eu também me sentiria assim no lugar dele. No final os dois fizeram as pazes, com (a terapeuta nas horas vagas) Emma e perceberam que tudo não passava de ciúmes de NY. Ainda bem, pois não aguentaria vê-los separados até o final da temporada.

Mas a cena que me fez desmoronar de tanto chorar foi a final. Vê-los cantando "My  Love is Your Love" ao estilo da 1ª temporada, com Will olhando para seus pupilos do mesmo jeito que os viu no piloto da série. Isso remeteu ao início de Glee e me fez perceber porque eu ainda vejo o seriado depois de 3 anos, depois de tantas histórias confusas, depois de tanta polêmica, de tanta história sem sentido. Ao vê-los cantando eu consegui sentir a emoção, a mágica por trás das vozes deles. Mas como bem disse Emma, este grupo mudou as nossas vidas, mesmo sem percebermos e iremos conhecer outros garotos especiais, mas nunca nos esqueceremos desta turma.

Whitney Houston RIP 1963- 2012 "I Will Always love You"

PS: Alguém sabe me dizer aonde foi parar Rory (o carinha do intercâmbio, aquele que venceu The Glee Project)?
Share on Google Plus

About Gabriella Siggia

Formada em Direito, eterna estudante, bem humorada, alto astral e alegre, mora em São Paulo. Viciada em músicas, filmes e seriados americanos. Seriemaníaca de carteirinha! Mantém um blog pessoal em : http://gabyscseries.blogspot.com/ (@gabyever)
    Blogger Comment
    Facebook Comment