The Good Wife 3x21 - The Penalty Box





















Bem-vindo de volta ao lado negro da força.


Como eu já tinha suspeitado na review passada (não li spoilers sobre) a insatisfação do Cary ao ser rebaixado na promotoria o levou de volta a Lockhart/Gardner. Não por vontade do Will que ainda mantém uma desconfiança devido a acusação de suborno mas que decidiu esquecer isso ao menos por enquanto. E nem por vontade do Howard que sabiamente mantém suas contratações baseado na famosa pergunta : "Quem você levaria para uma ilha deserta?", aliás fica aqui a dica para quem passar por isso na próxima entrevista de emprego, indique uma pessoa de cada sexo para não abrir margem para suposições ou simplesmente se for mulher indique o Brad Pitt.

O caso da semana serviu para mostrar mais uma vez a diferença entre a forma de agir da promotoria e defesa, com um juiz sendo temporariamente suspenso devido a um caso antigo onde ele até então promotor conseguiu a acusação de um inocente. Foi ótimo ver Diane se impondo e dizendo que advogados e juízes quando estão na posição de réu costumam se auto-defender , continuam agindo como se fossem donos da verdade e acabam se prejudicando. E mais legal ainda foi o Juiz Cuesta dizer que não acreditava em inferno até conhecer advogados, nisso eu concordo absolutamente com ele (nada contra amigos advogados).

A inocência do juiz declarada mesmo não sendo verdadeira provou que o importante é vencer mesmo que isso não seja o justo, levando Alicia mais uma vez a questionar o papel dela como advogada e seu papel na firma que como sempre só se preocupa com seus interesses. Para mim são só mais evidências que ela deixará a Lockhart/Gardner em breve, agora que o Cary voltou e que a campanha do marido para governador promete comprometê-la (romance com o Will vazando para mídia logo logo) só fazem isso anteceder. 

Só que a coisa não vai ficar feia só para o lado da Alicia, a agente do FBI que atormenta Kalinda voltou fazendo insinuações para o Lemond Bishop, aquele traficante super poderoso que sempre estar em destaque quando querem ferrar com a firma, e ele não gostou nada disso. Primeira vez que eu senti a Kalinda realmente com medo de alguma coisa e como a Lana disse que não ia parar com a investigação, prevejo catástrofes. 

Semana que vem é a finale e contaremos com as participações ilustres do Louis Canning (Michael J. Fox) e Patti Nyholm (Martha Plimpton), não tem como ser ruim.


P.S - Como não rir do Eli tentando manipular o Howard e o velho enlouquecendo tanto que até Diane queria tirar?
P.S¹ - Outra dica valiosa do Howard, mestre nato da administração : sempre faça mudanças antes do verão que é a época onde as coisas se acalmam.
P.S² - Quero Alicia, Kalinda e Cary melhores amigos para sempre.
Share on Google Plus

About Rebeca Barros

Sarah, we make a family, yes? (@bkbarros)
    Blogger Comment
    Facebook Comment