Grey's Anatomy 8x21 - Moment of Truth


Chegou a hora da verdade!


Foram cinco anos de residência e a única coisa que importa no momento é um teste. Meredith, Cristina, Alex, Avery e April dividem a mesma preocupação. Será que todos irão passar no teste mais importante de suas vidas? É difícil saber o que pode acontecer daqui pra frente já que a vida resolveu pregar peças em nossos queridos residentes exatamente nesse momento tão importante.

Ao mesmo tempo em que Cristina ainda leva mágoas de seu casamento destruído, Meredith enfrenta alguns pequenos desconfortos em relação a sua saúde, tudo devido a uma virose transmitida por Zola.  Todos fugindo de Meredith (inclusive Cristina) para não pegarem algum vírus até que foi divertido. Mas essa desagradável situação de Meredith levou a uma das cenas mais bonitas e sinceras da série até hoje.

Meredith e Cristina sentadas uma do lado da outra apenas tendo como divisão entre as duas uma porta foi um momento memorável. A amizade das duas é uma das, se não for a melhor coisa da série. A conversa foi de grande transparência, tanto de Cristina para Meredith quanto de Meredith para Cristina. A verdade é que Cristina não sabe o que fazer em relação a Owen. Mesmo querendo se separar, Cristina ainda acha o divórcio uma coisa muito forte e não aceita quando Meredith diz essa palavra.

O que anda me preocupando de verdade é Alex. Ele abandonou os exames para poder ser dedicar ao caso do filho de Morgan e sinceramente acho isso uma perca de tempo para o personagem. Como já disse antes em alguma review, Morgan não é um personagem para o nível de Karev, mesmo seu plot sendo extremamente carregado no drama. Mas o problema mesmo é que não consegui achar carisma e me conectar com a personagem. A única coisa boa dessa situação é que Alex fica cada vez mais maduro e competente na área da pediatria. Aliás, está mais do que óbvio que essa será a grande especialidade dele junto com Robbins. Só resta saber se ele chagará a tempo para o exame.

O episódio teve até seu grande momento de pegação. April por fim se deixou levar por seus impulsos e desejos e se entregou pela primeira vez na vida a Avery. Na verdade o casal demorou demais para acontecer, mas durante um bom tempo eu achava que ali ia dar April e Alex. April é totalmente forçada nas cenas que ela está sensualisando pra Avery, mas o que me irritou mesmo foi a história dela achar que Jesus a odeia por ela ter transado e obviamente não ter esperado até o casamento.

Mas a pegação que deve ter um futuro de verdade, pelo menos teoricamente, é a pegação da terceira-idade com Richard e Catherine Avery. Acho bem digno que Richard tente reconstruir sua vida, já que o estágio da doença de Adele está bem avançado e é irreversível. Até que o casal deu certo e espero que explorem bastante o lado cômico dos dois.

Apesar de não ter pegado fogo com mais intensidade, ver a rivalidade de Owen e Ted sendo explorada foi bem interessante. Principalmente pelo fato das coisas começarem a se resolver entre os dois. Já Lexie e Mark estão começando a dar sinais de retorno. Lexie já confessou que ainda tem sentimentos por Mark, mas ele anda tomando umas atitudes muito estranhas em relação a isso. Essa história de apoiar o relacionamento dela com Avery parece mais uma forma de não mostrar o quanto ele está sofrendo por ela. Espero que pelo menos até a season finale isso tenha se resolvido, pois é o plot mais arrastado das ultimas duas temporadas.


PS: Season Finale chegando e nada de notícias sobre o contrato dos atores. Ansiedade é meu nome nesse momento.                                                                                                                                                                                                                                                                      
Share on Google Plus

About Wellington Laurindo

Não vive sem música e tem em sua mente uma trilha para cada momento/ período de sua vida. Na vida de seriemaníaco há uns cinco ou seis anos, mas com um background de seriados clássicos desde sua infância. Está deixando a vida ditar por si própria os caminhos que deve seguir e esperando que isso venha dar certo. (@Wellington_Ign)
    Blogger Comment
    Facebook Comment