Castle 4x22 - Undead Again



O dia que a Det.Beckett quase se deixou levar pelas fantasias do Castle.


Ou se preferirem o dia em que o assassino era um "Zumbi". A série sempre brincou com esse lado imaginativo, digamos assim, até porque o Castle consegue formular teorias absurdas nos casos mais simples possíveis. Imagina então a satisfação dele ao saber que em seu último caso (só que não) na NYPD o assassino tinha de tudo para de fato ser um zumbi?

Quando mostraram a imagem na câmera de segurança eu já pensei que seria algum grupo estranho que se reunia para brincar de The Walking Dead (como não avisam ao Richard da existência disso?), meio parecido com o que já vimos na série em um episódio onde as pessoas agiam como se vivessem no passado (3x04), ainda assim achei impagável o momento em que nossa dupla está cercada de pseudos zumbis e o Castle começa a pensar na fuga baseado em livros enquanto a Beckett continua dizendo que aquilo não pode ser real. Melhor que isso só o gritinho bem medroso dela quando o suspeito dado como morto foge da sala de necrotério.


Aliás, bem interessante e louca a história da escopolamina (a droga de zumbi) que faz alguém ser totalmente influenciado a ponto de matar e não lembrar do fato. E mais assustador que um zumbi verdadeiro só o assassino real que veio cheio de prepotência achando ter cometido o "crime perfeito", achei um pouco forçado a motivação dele, imagina alguém ter todo esse trabalho para matar por ciúmes, mas vai saber né? Surpresa maior ficou pelo fato da Beckett aceitar o plano do Castle, que obviamente ia envolver a fantasia de zumbi no meio, para arrancar a confissão do culpado.

Como momento de tensão e indiretas (super diretas) tivemos a comparação do trauma vivido pelo zumbi drogado com o vivido pela Kate. Castle enfim descobre que Beckett estava indo a um terapeuta e creio que agora ficou claro para ela que ele já sabe de tudo. Aquele final com ela dizendo que o famoso "muro" estava desmoronando e que gostaria que ele estivesse lá quando isso acontecesse foi para matar a gente do coração e de ansiedade até a próxima semana ou sabe-se lá mais até quando.

E mais desgastado que o "vai, não vai" de Castle e Beckett só essa história da Alexis ir para a faculdade, os dilemas da personagem ao longo da temporada inteira só foram sobre isso espero que agora enfim tenha acabado e fico feliz por ela ter escolhido ficar por perto. Já declarei aqui antes que a relação dela com o pai é uma coisa muito legal de ver.


P.S - Castle Junior (a.k.a Ryan) estava demais nesse episódio como sempre medroso e caindo nas ideias do Castle.

P.S¹ - Amo ver o Castle puxando conversa de monstros e fantasias e as respostas que Kate dar, dessa vez ela disse que se fosse pra escolher um monstro seria o Van Helsing (OWNED).
Share on Google Plus

About Rebeca Barros

Sarah, we make a family, yes? (@bkbarros)
    Blogger Comment
    Facebook Comment