Touch 1x07 - Noosphere Rising


Mesmo morto, ele ainda é um mistério...


Episódio fraco, exceto pelos assuntos que envolvem o Dr. Arthur Teller, todo o resto foi bem tediante, acho que isso se deve a indiferença que tenho para os assuntos do amor, oh God, tomara que minha esposa não leia isso. Mas a verdade é que com ela é diferente.

Mas vamos ao episódio...

Já esperava por essa megera que apareceu para atrapalhar o progresso que o Martin tem feito quanto aos cuidados e guarda do Jake, afinal de contas estava bom demais para ser verdade. Já essa garota do blog, achei ela um pouco irritante com todo esse assunto e honestamente não gosto nenhum pouco do rumo que a série esta tomando, volto a dizer que a matemática na maioria das vezes é imparcial, misturar tudo isso com outros assuntos “do coração” não faz bem ao principal motivo pela qual a série me cativa. Mas enfim, essa deve ser uma opinião bastante pessoal, já que a maioria das pessoas (imagino eu) as preferem assim.

Esse episódio só serviu para me lembrar que é uma vergonha eu não saber jogar poker, toda vez que vejo alguém jogando fico imaginando, como isso funciona, mas tudo bem, qualquer dia desses peço para o Dean Winchester me ensinar a jogar, não que ele seja um excelente jogador, mas eu gosto demais do cara. Nada de esclarecedor foi dito sobre a paciente do quarto seis, novamente.

Com tudo, digo novamente que este episódio foi muito randômico e não chamou muita atenção, veremos na próxima semana. (Hoje)



Share on Google Plus
    Blogger Comment
    Facebook Comment