Season Review - Criminal Minds 7ª Temporada


Uma última vez com a equipe toda reunida.


Desde o dia que eu soube que Prentiss e JJ iriam retornar para a 7ª temporada, eu sabia que esta temporada iria ser genial. Com episódios variando entre ótimos e excelentes, a 7ª temporada conseguiu resgatar aquele ritmo perdido da temporada passada. Tudo bem que desta vez não tivemos um mesmo serial killer para a temporada inteira (ou pelo menos por alguns episódios), mas a dinâmica da equipe nunca esteve tão afiada.

Os casos semanais continuaram nos empolgando, mas foram as vidas dos agentes do FBI que tomaram conta da gente: Hotchner iniciou um novo romance; Morgan tentou lidar com a volta de Prentiss; Rossi teve que enterrar a sua ex esposa; Penelope quase ficou noiva; JJ quase perdeu seu namorado e acabou se casando na season finalle; Reid, bom Reid ficou mais nerd; e Prentiss se preparou para se despedir novamente da equipe e de nós fãs.

Mas nada se destacou quanto a participação de Paul Johansson (One Tree Hill) no seriado. O ator simplesmente arrasou ao interpretar o vilão num episódio. As semelhanças com Dan Scott, seu personagem mais conhecido, foram imensas. Bastava olhar para o personagem que nós víamos Dan Scott lá. Tanto que, para mim, não foi nenhuma novidade quando descobrimos que era ele o grande vilão do episódio, afinal o sarcasmo e o olhar penetrante de "anjo do mal" estava nítido, de tal maneira que parecia que a equipe iria desvendar a mente criminosa de Dan Scott. 


Dentre os episódios desta 7ª temporada, nenhum chegou tanto me agradar e fazer com eu desgrudasse os olhos da tela do computador quanto aos dois últimos. Aquela season finalle ficou gravada na minha memória. Foi perfeita, emocionante, teve muitas cenas de ação, suspense e eu juro que cheguei a acreditar que alguém da equipe fosse morrer. Ainda bem que no final deu tudo certo e mais uma vez vimos a equipe vencer os malvados e tivemos a singela e simples despedida de Emilly Prentiss. Irei sentir saudades da morena, principalmente por conta da química dela com Morgan, mas a vida continua e espero que a 8ª temporada seja melhor que a 7ª e que venha com tudo! Afinal, haja psicopatas.
Share on Google Plus

About Gabriella Siggia

Formada em Direito, eterna estudante, bem humorada, alto astral e alegre, mora em São Paulo. Viciada em músicas, filmes e seriados americanos. Seriemaníaca de carteirinha! Mantém um blog pessoal em : http://gabyscseries.blogspot.com/ (@gabyever)
    Blogger Comment
    Facebook Comment