The Big Bang Theory 6x04 - The Re-Entry Minimization


Abriram as alas para a competição e com o melhor episódio da temporada até agora, Sheldon e cia vem arrasando.


Que episódio sensacional foi este? Sério, há tempos eu não ria como ri assistindo este 4º episódio. E o melhor de tudo é que não foi Sheldon que carregou o episódio nas costas, mas sim todos os personagens! Foi um episódio perfeito, hilário, do começo ao fim! Bastou o Howard voltar para os EUA que tudo voltou a ser melhor. Uma pena que o nosso astronauta voltou a usar sem figurino nada sexy, voltando com o cabelinho tigelinha e tirou a barba, pois estava curtindo o novo visual do judeu.

O retorno do Howard foi hilário desde a primeira cena. Ele rezando em judeu quando o foguete vinha para os EUA, ele achando que estava sendo fotografado e se sentindo um astro e sua tentativa de aproveitar a lua de mel com Bernadette foram simplesmente inesquecível. Quando pensei que não tinha mais nenhuma coisa para eu rir com ele, descobrimos que sua mãe anda pegando o dentista e melhor, ele também fala gritando como a mamãe Wolowitz. Impossível não rir. Me deu pena dele no final das contas, porque o rapaza ficou sei lá quantos meses no espaço e quando retorna, Bernadette pega uma gripe terrível, sua mãe anda dormindo com seu dentista e Raj está num relacionamento estranho com Stuart. É Howard, você perdeu muitas coisas enquanto brincava de astronauta.

Aliás, amei ver a Bernadette toda fogosa e querendo consumar a lua de mel com o marido. Mas nada, nada superou Raj e suas insinuações de ser homossexual. Afinal quem em atual situação daria moradia, vestimenta e roupa lavada ao dono de uma loja de HQ? Só o indiano mesmo. Sem mencionar que ambos estão preenchendo os buracos um do outro. Outra pérola inesquecível de Raj e TBBT. Mas será que Raj é gay? Ou será que estamos sendo levemente enganados por sua ingenuidade? 

Quem não é nada ingenuo é Sheldon, pelo contrário, ele é muito esperto. Pena que sua inteligência não está nada ligada à jogos de pessoas normais. Enquanto Howard passava todo seu conflito no retorno para casa (e esperando uma festa surpresa), Penny, Amy, Sheldon e Leonard decidiram fazer a noite dos jogos: de um lado as meninas e, do outro, os meninos. E adivinha quem levou a melhor? Penny e Amy. 

Tudo bem que competir com Sheldon parece ser uma coisa injusta, mas vê-lo desenhar coisas estranhas e Penny trolá-lo não tem preço. Ele desenhando o presente enquanto era apenas presente foi hilário. Mas nada superou a tentativa de adivinhar o cookie que Leonard desenhou. Falou tudo, menos o que realmente era. E depois de perder no "Imagem e Ação", foi a vez de vermos eles jogando outros jogos e todos, claro, Penny e Amy levaram a melhor: "Onde está o Wally?", luta (no qual resultou em beijos de todos os lados de Penny e Amy), cálculo de matemática depois de girarem muito e, provavelmente, vencendo com "quem come toda a torta?". Simplesmente hilário, divertido e, com certeza, é um daqueles que queremos e precisamos ver e rever umas cem vezes (e mesmo assim, iremos rir das mesmas piadas).

PS 1: Sheldon sendo subornado para Stuart continuar na roda dos amigos foi inacreditável! E tudo por conta de 30% de desconto na lojinha de HQ!
PS 2: Howard cantando "Rocket Man" foi divertido, Canta mal, mas divertiu bastante e será uma cena que jamais esquecerei.

Frase do Episódio: "Porque é difícil! Se fosse fácil, o livro se chamaria 'Aqui está Wally!'."
Share on Google Plus

About Gabriella Siggia

Formada em Direito, eterna estudante, bem humorada, alto astral e alegre, mora em São Paulo. Viciada em músicas, filmes e seriados americanos. Seriemaníaca de carteirinha! Mantém um blog pessoal em : http://gabyscseries.blogspot.com/ (@gabyever)
    Blogger Comment
    Facebook Comment