Criminal Minds 8x08 - Wheels on the Bus


Um único acrônimo define esse episódio de Criminal Minds: WTF! Em um roteiro surpreendente, pela primeira vez Hotchner e sua equipe ficaram de coadjuvantes e as vítimas sofredoras e os dois psicopatas malucos tomaram o banco da frente e tomaram toda e qualquer atenção de nós, adorados fãs (lindamente, devo adicionar).

O caso dessa semana foi o seguinte: um ônibus com 24 estudantes foi sequestrado por dois jovens de 20 e poucos anos usando máscaras de gás. O motorista do ônibus foi o primeiro a morrer e logo em seguida 14 alunos são encontrados amarrados em um celeiro e o mistério é: aonde estão os outros 10 estudantes e pra que pegar só 10? Acontece, querido freak, que os dois psicopatas eram gamers viciados e queriam fazer o próprio roteiro de um jogo chamado Gods of War (qualquer semelhança com o jogo do PlayStation é mera coincidência - é um jogo completamente diferente). Nesse, o jogador tem que sequestrar um meio de transporte e usar as vítimas para cumprirem missões (matar um ao outro, basicamente). E os irmãos (psicos) resolvem fazer isso na vida real com os estudantes.

Com certeza esse foi um dos episódios mais tensos dessa temporada - perdendo apenas para o episódio de Halloween - e não vou mentir, eu fiquei muito surpresa com as atuações dos estudantes e dos jogadores malucos. Nesse episódio fica bem claro uma coisa, que apesar da série estar na sua oitava temporada, foi a primeira vez que eu parei pra prestar atenção: o que interessa em Criminal Minds não é o BAU. Grande parte do charme todo são os casos e como isso é montado semanalmente. Vou admitir, essa foi a primeira vez que eu fiquei mais interessada no que estava acontecendo na fábrica abandonada do que com o que estava se passando com o BAU e sua empreitada pra descobrir onde eles estavam e o porque daquilo tudo. Esse é, até o momento, o melhor episódio dessa temporada - provavelmente um dos melhores casos em oito anos de série.

Ah, e a moral da história: não deixe seus filhos muito tempo na frente do video game. Eles podem virar assassinos psicopatas quando crescerem!
Share on Google Plus
    Blogger Comment
    Facebook Comment