Modern Family 4x08 - Mistery Date




Quando Jay Pritchett abraça um coelhinho temos motivos para nos preocupar.


Pra variar (só que não), tivemos um episódio muito bom de Modern Family essa semana.

Para poder "entregar" seu presente para o bebê de Glória e Jay, Cam tinha que tirá-los de casa por algumas horas e pra isso contou com a ajuda de Mitchell que foi com o pai buscar o berço para enrola-lo na loja e Cam ganhar tempo. Foi interessante ver como Mitchell foi sensível, inicialmente, para perceber que algo estava errado com seu pai mesmo que, com toda razão, ele tentasse fazer a linha "eu não me importo". Tudo bem que, ver Jay abraçado com o coelhinho não deixou a menor dúvida de que era algo sério (só que nem tanto), fazendo com que Mitchell engolisse o orgulho e conversasse com o pai sobre o que estava acontecendo. Como o próprio Mitchell disse, a perda do escritório significava pra Jay mais que a perda da privacidade, mas sim deixar pra trás um estilo de vida e isso não é fácil pra ninguém. O desfecho desse plot se resolve simplesmente com o presente de Cam, a bela pintura na parede que faz com que Jay não queira mais saber do antigo escritório. ADOREI! Eu sempre gosto quando Modern Family faz as histórias amarradinhas assim.

Enquanto Claire viajava com as crianças para a competição de Alex, Phil ficou em casa modernizando tudo e levando a família pra 2025. Ao levar o "novo amigo" pra ver o jogo,aproveitando que estava sozinho (Kd Haley??) ,ele achava que não estava fazendo nada demais, muito pelo contrário, ele estava apenas seguindo os conselhos de sua amada esposa. Mal sabia Claire das intenções do "amigo" do marido. Uma jogada interessante do roteiro é o fato de que Phill nunca irá descobrir o que realmente aconteceu naquela estranha noite. No início da história imaginei que eles iriam encontrar com Cam e Mitchell e tudo seria explicado. Gosto quando a série foge do óbvio. Pausei o episódio pra gargalhar da cara de Phil após ser beijado pelo cara (WFT?????).

A série também fugiu do óbvio a não dar a vitória da competição de conhecimento para Alex. Cheguei a cogitar a possibilidade de que ela tivesse perdido de propósito para dar uma lição na mãe (o que também seria óbvio) mas, aparentemente não foi isso que ocorreu. Gostei da interação de mãe e filha e acho perfeitamente normal a mãe comemorar a vitória da filha como sua, o problema é que Claire é competitiva demais e perde a noção das coisas. Imagino o bullying que ela cometia com as outras mães quando Alex vencia. Ir argumentar com os juízes sobre a filha é o cúmulo de não saber perder e a reação de Alex foi totalmente aceitável.

Tivemos esse primeiro 1/3 da temporada com episódios muito bons e nos resta torcer para que a série mantenha essa regularidade no resto da temporada. Esse episódio pode não ter sido o mais engraçado da temporada, mas me tirou boas rizadas.


PS: 1) Ri demais com Cam dizendo, com um pontinha de inveja, que a alguns anos nenhum homem faz aquele barulho de latido pra ele.

2)Pra quê trazer Haley de volta no episódio passado se ela nem participou desse? (Será que os episódios foram exibidos em ordem trocada?) #BOOM

3) Luke está parecendo um Barney Stinson (HIMYM) mais jovem... Só topando desafios difíceis.

4) Semana que vem não teremos episódio. A série volta dia 28/11. Até lá. :)
Share on Google Plus

About Anna Paula Machado

A eterna estudante, formada em Matemática, atualmente cursa mestrado na área. O vício por séries começou ainda na adolescência com The O.C. e My wife and Kids. Amante das comédias e dramas e com pavor de séries de terror, adora também as famosas novelas mexicanas do SBT. Atualmente assite a mais de 25 séries entre fall/summer season contando também alguns realities. Fã incondicional de The O.C., One Tree Hill, TBBT, Friends, Modern Family, Glee, Revenge, Grey's Anatomy, The Voice e Survivor. (@annapmachado)
    Blogger Comment
    Facebook Comment