Once Upon a Time 2x08- Into the Deep

   

"You found me" 

E mais uma vez, OUaT nos presenteou com um episódio, repleto de surpresas. Pois, após uma breve pausa, retornou a todo gás. Em "Into the Deep" nos foi esclarecido, o mistério do quarto vermelho e porque, só Aurora e Henry vinham  tendo tal pesadelo. Embora, a maldição ter levado a sala dos espelhos, e com isso, ter deixado um ponto de interrogação, creio que, será uma informação válida para uma storyline futura.

Neste episódio, obtivemos um pouco de tudo. Afinal, qual outro seriado sobre contos de fadas, adaptaria zumbis -que na verdade, não são propriamente zumbis- para atacar nosso grupo de heroínas? Preciso admitir também, que gostei bastante do rumo que tomaram para Aurora, e principalmente, de sua atitude perante  ao pesadelo. Se antes, ela vinha ganhando o prêmio joinha de inútil master, agora não mais. No entanto, quem caiu no meu conceito, foi Mulan. Não que ela tenha sido boring, mas, foi um tanto inconsequente diante toda a situação. E só serviu para ficar lembrando Aurora, que precisava protegê-la, devido a promessa feita ao Prícipe Felipe.

Além disso, é inegável que a interação entre Emma e Snow é sempre muito amor, para nossos olhos. Sem contar, que é um enorme alívio ter as duas no grupo. Arquitetando planos para sabotar Cora e pensando, pelo restante. Inclusive Snow, que além de astuta é também manjadona quando se trata dos perigos iminentes. 

O reencontro de Charming e Snow, apesar de frustrante, foi o mais comovente. Principalmente, quando Snow comenta, sobre o destino estar sempre os separando. Neste momento, me encontrei com os olhos marejados. E mais lamentável ainda, é que David corre o risco de permanecer adormecido para sempre, caso Emma e Snow não retornem logo para Storybrooke.  

E Rumpels, não precisa deixar seu receio tão latente. Afinal, todos temem Cora e sua perversidade incessante. Até mesmo Regina admite isso, tanto que, aliou-se a David. Tudo pela proteção de Henry. Alias, que todos se preparem, pois, se Cora conseguir invadir Storybrooke, vai ser necessário muito mais, do que beijo de amor verdadeiro ou maldição do sono.

Claro que, para toda a regra, há sua exceção. É exatamente ai, que Hook se encaixa. O capitão sedutor nos mostrou, que a palavra fidelidade não faz parte do dicionário de um pirata.  Desse jeito, provou não ter medo de Cora e deixou claro, o quão egocêntrico é. Alias, me senti petrificada, quando Aurora começou a falar daquela forma e de repente me deparo com seu coração -roubado por Hook- nas mãos de Cora.

* Sei que foi proposital, mas parece que cada um sabia, quando o outro estaria no pesadelo para se comunicar.
* Emma se entregando com um (quase) sorriso maroto, quando Aurora comenta sobre a hipótese de Hook gostar dela.
* Regina diva! Mesmo com o tom sarcástico (de sempre),  foi incrível vê-la falando para Henry, que seus avós sempre se encontram.
Share on Google Plus

About Caroline Lustoza Boos

Cinéfila assumida. Apesar de colecionar séries, One Tree Hill ocupa maior parte do seu coração. Apaixonada por todos os filme de Alfred Hitchcock. Consumista por séries, filmes,livros, bonecos e afins. Sonha em rodar o mundo. É mãe de 3 gatos, porém, se pudesse teria muito mais. É reservada, mas quando faz uma amizade de verdade, leva para a vida inteira. (instagram/snapchat: @cahlboos)
    Blogger Comment
    Facebook Comment