Elementary 1x15 - A Giant Gun, Filled with Drugs



Yes, he is a trigger...
Novamente, nos deparamos com um caso diferente do esperado. Sherlock tem que ajudar um velho amigo, mais precisamente o cara que vendia drogas pra ele, a resgatar a própria filha, sem envolver a polícia. É uma volta ao clássico, onde ele tem que resolver os casos sozinho e sem a ajuda do governo ou de outras forças. Só ele contra o criminoso. É bem interessante rever o "detetive original" dos livros nessa adaptação, algo que estava meio longe e foi resgatado. A forma como a investigação na surdina foi conduzida também foi muito inteligente, com eles se utilizando de disfarces e se passando por clientes, o que trouxe um fator cômico e divertido. Além de, claro, termos os falsos suspeitos pipocando na nossa frente e Holmes descobrindo as pistas de forma mais bizarra do que nunca. O final também foi bastante surpreendente e me deixou apreensivo quanto à segurança de Joan, mas tudo acabou se resolvendo.

Mas o principal do episódio foi ver Sherlock vivendo com um drogado e vendedor de drogas. Tendo que se controlar o tempo todo, ficou nas mãos de Watson garantir que ele não voltasse aos seus velhos vícios. Com isso, ela acabou tendo uma grande participação, o que não vinha acontecendo ultimamente, chegando ao ponto de dar uma lição de moral no viciado. Mas ele não escuta e chega a oferecer cocaína para nosso detetive. Porém, o tratamento se mostra mais que eficiente, chegando ao ponto de Sherlock resolver tudo de outra forma e ainda quebrar sua amizade com o vendedor. A cada episódio, eles ficam mais próximos, mesmo a passos lentos. E esse é um dos grandes trunfos da série, na minha opinião. A relação deles nunca está estagnada e sempre existe uma evolução. 

Por mim, esse poderia ter sido transmitido após o Superbowl, porque depois de "M.", foi o episódio que mais me cativou e me chamou a atenção desde o começo da temporada. Foi divertido, mas sério em certos momentos. Trouxe a alma do Sherlock de volta, mas ainda manteve o clima de adaptação. Teve tensão, emoção e sorrisos, tudo o que sempre gostamos de ver. E você leitor, o que achou? Comente e até o fim dessa semana, no próximo episódio de Elementary!
Share on Google Plus

About Bruno

Apaixonado por séries e por tudo que é novo e diferente, infelizmente não tem mais tempo para ser um seriemaníaco, desde que vendeu a alma para a faculdade. Faz faculdade de Biologia, e tenta ao máximo conciliar o curso com suas séries e, principalmente, seus realities. Começou com Harper's Island por recomendação de um amigo, e desde então não parou. Tenta manter pelo menos uma série/reality por temporada, mas nem sempre é possível, já que seu interesse por ficção e séries diferentes nem sempre é preenchido. Além disso, gosta de ir ao cinema pelo menos uma vez por semana, e assiste alguns animes quando consegue acompanhar. (@bkaozzz)
    Blogger Comment
    Facebook Comment