[Especial] Casais Gays que amamos no mundo das séries - Valentine's Day


Uma data tão especial como o Valentine's Day não podia passar em branco aqui no Freaks 4 Séries. Por isso, montamos esse especial com nossos casais gays favoritos no mundo das séries, afinal de contas o amor independe de raça, classe social ou gênero.

Mitchell e Cameron - Modern Family (por Anna Paula Machado)


Não existe família mais moderna em Modern Family do que Mitchell, Cam e Lily. Conhecemos o casal logo no piloto da série, quando eles acabaram de adotar a pequena Lily e estão levando-a para casa. A relação dos dois é muito divertida, principalmente quando Cam dá seus ataques de Diva deixando o companheiro muito envergonhado. A verdade é que eles são completam e são a "rocha" um do outro. Numa das cenas mais emocionantes de toda a série, no fim da terceira temporada, temos o casal decepcionado por não ter conseguido adotar o segundo filho, demonstrando toda frustração e emoção em um momento muito bonito. O fato é: Cam e Mitchell fazem toda a diferença em Modern Family e não tem como não amar esse casal.

Arizona e Callie - Grey's Anatomy (por Gabriella Siggia)


Demorou uma eternidade para que Callie pudesse ser feliz. Depois de se casar com George, ser traída por ele, a ortopedista do Seatle Grace Mercy Hospital tentou um caso com Mark Sloan, seu melhor amigo, mas foi nos braços de Hanna Who que ela descobriu que gostava de garotas. Ainda bem que a doce Arizona apareceu e acabou amolecendo o coração da nossa ortopedista. Infelizmente Callie não contava com a presença de Shondanás, e acabou engravidando de Mark, quase morrendo num acidente de carro. Depois de muita espera, nosso casal fofo acabou se casando e os três (Callie, Arizona e Mark) decidiram cuidar da pequena Sophia. Mal sabia ela e nós fãs que Shondanás iria destruir novamente Calzona. Deixando a pediatra entre a vida e a morte, Shondanás foi pior que o Jigsaw (Jogos Mortais), deixando Arizona sem uma perna, que fora amputada pela mulher. Sim, nem a Arizona como saci foi possível de comover a reencarnação do próprio lúcifer (leia-se Shonda) e deixar o casal mais cute da série feliz. E depois ela diz que ama Calzona e que não é homofóbica? Tenho minhas dúvidas. Mas voltando ao especial, as duas já enfrentaram terremotos, furacões. assassinos, pacientes loucos, aviões caindo, etc, mas continuam juntas e tentando ser felizes. Só por isso merecem ser destacadas neste especial. Quem a paz esteja chegando para Calzona!

Justin e Austin - Ugly Betty (por Armando Wunsch)



O primeiro beijo gay adolescente na TV americana veio de Ugly Betty. Justin durante quatro temporadas lutou contra a sua sexualidade e passou por vários momentos complicados, porém com o apoio de Marc, saiu do armário. Mas ele somente se revela homossexual, quando beija seu melhor amigo depois de uma discussão que teve com ele. O casal sempre foi mostrado de forma contida, sem grandes exageros e foi esse um dos motivos pelo qual os fãs se apaixonaram pelo casal. Eles dançando no casamento da mãe de Justin foi um dos momentos mais marcantes da temporada final do seriado da feia.

Will e Vince - Will & Grace (por Gabriella Siggia)


Todo  mundo sabe que Will e Grace são alma gêmeas. Melhores amigos e ex namorados, os dois protagonizaram momentos inesquecíveis e divertidíssimos no seriado. Entretanto, foi com Vince que Will encontrou o seu tão sonhado "feliz para sempre". Os dois demoraram para se entender, também com Grace sempre se metendo no meio do casal, mas no final eles ficaram juntos, tiveram um filho e... bem, vocês sabem o que aconteceu. No final da série, os filhos de Will e Grace se conheceram e não havia outra maneira de que uni-los como uma grande família feliz. De todos que namoraram Will, apenas Vince conseguiu conquistar e amarrar o coração do nosso amado e querido Will. Nem mesmo Grace, com suas loucuras, foi capaz de separá-los.

Louis e Wyatt - Partners (por Anna Paula Machado)


Tivemos apenas 6 episódios para conhecer esse casal mas mesmo assim dispomos de tempo mais que suficiente para nos apaixonarmos por eles. Louis e Wyatt são o verdadeiro exemplo de que os opostos se atraem. Louis é todo expansivo e intrometido enquanto Wyatt é todo calmo e zen (mesmo que no passado ele não tenha sido assim!). Fico imaginando como seria se a série tivesse tido uma duração mais longa e pudéssemos ver como esse relacionamento começou... Conhecendo Loius, esse momento foi, no mínimo, épico. Nos resta torcer para a CBS exibir os 7 episódios inéditos que ela tem guardado, para que possamos curtir um pouco mais desses fofos.

David e Keith - Six Feet Under (por Wellington Laurindo)


Foram cinco anos, cinco temporadas onde acompanhamos a vida pessoal de David e Keith, um casal gay que revolucionou a narrativa das séries com seu relacionamento conturbado, mas ao mesmo tempo muito sólido. Michael C. Hall deu um banho de interpretação ao mostrar todas as inseguranças de David, quem hoje vê o ator em Dexter consegue reconhecer o quanto o trabalho dele foi valioso. A relação dos dois se tornou muito orgânica, sendo que na sequência final da série a cena deles foi uma das mais emocionantes. O público realmente torcia por eles.

Blaine e Kurt - Glee (por Gabriella Siggia)


Já dizia a lenda que o primeiro amor a gente jamais esquece. Se isso é verdade ou não, pouco importa. O fato é que Kurt foi o 1º rapaz de Ohio sair do armário e de quebra ainda ganhou um namorado fofo como Blaine. Blaine só apareceu na 2ª temporada, como membro de um coral concorrente. No começo os dois se tornaram amigos para depois assumirem o que ambos sentiam um pelo outro. Nesse meio tempo, Kurt saiu do New Directions, se uniu aos Warbles (coral em que Blaine era o líder) e depois voltou para seu antigo colégio. Mas o amor dos dois era tão grande, que Blaine acabou abandonando tudo para ficar com seu amado e se mudou para o mesmo colégio de Kurt, na 3ª temporada. Nisso, o casal mais fashion de William McKinley teve momentos bem tensos. Também protagonizaram a 1ª vez e isso só os uniu mais ainda. Infelizmente, os dois se separaram após Kurt ter se mudado para NY e Blaine tê-lo traído com um estranho. Hoje os dois tentam ser amigos, Kurt arrumou um novo interesse amoroso e Blaine anda gostando de Sam, mas sabemos muito bem que quando se trata sobre o 1º amor, as velhas chamas sempre  poderão reacender.


Brittany e Santana - Glee (por Karina Nascimento)


Taí um casal enrolado. Brittany super liberal e super bi não se importava com quem ela pegava, até porque segundo ela, já ficou/dormiu com todos os garotos e garotas da escola e falava isso pra quem quisesse ouvir. Já Santana se preocupava demais com a sua reputação, morria de medo de que as pessoas falassem pelas suas costas sobre ela e por isso, queria manter Brittany em segredo. E foi nesse rolo que percebemos o quanto a Britt Britt era inteligente. Quem não se lembra do "Eu te amo mas obviamente você não se ama o tanto que eu te amo, senão você colocaria essa camisa e iria dançar comigo". Sem escolha, já que o idiota do Finn Hudson resolveu empurrar a coitada para fora de Nárnia, Santana resolvou parar com as enrolações e assumir tudo que sente pela Britt. Mas aí a gente sabe o que acontece: Brittany repete, Santana vai pra faculdade, relacionamentos a longa distância não funcionam, Santana canta pra Brittany, Santana termina com a Brittany, Brittany começa a namorar o Sam, Santana descobre e volta pra tentar fazer os dois terminarem, Brittany - sendo o gênio que ela é - não cai nesse jogo e manda a Santana pra NY junto com o Kurt e a Berry. No momento, nossos corações Brittana estão sofrendo mas já sabemos pelo próprio Ryan Murphy que elas vão voltar e de um jeito épico. Então vamos esperar e lembrar de cenas fofas entre as duas como essa daí da foto. Até porque é só questão de tempo, então não fique muito confortável, Trouty Mouth!


E aí, tem algum casal gay que você adora e não entrou na nossa lista? Deixe seu protesto nos comentários... ;)
Share on Google Plus

About Anna Paula Machado

A eterna estudante, formada em Matemática, atualmente cursa mestrado na área. O vício por séries começou ainda na adolescência com The O.C. e My wife and Kids. Amante das comédias e dramas e com pavor de séries de terror, adora também as famosas novelas mexicanas do SBT. Atualmente assite a mais de 25 séries entre fall/summer season contando também alguns realities. Fã incondicional de The O.C., One Tree Hill, TBBT, Friends, Modern Family, Glee, Revenge, Grey's Anatomy, The Voice e Survivor. (@annapmachado)
    Blogger Comment
    Facebook Comment