The Walking Dead 3x09 - The Suicide King



Depois de um hiato enorme, finalmente uma das séries de maior sucesso da tv americana volta a ser exibida. E o mais interessante: com diversas surpresas. Quando pensamos em uma adaptação de uma história em quadrinhos, imaginamos algo que seja fiel ao original e que poderíamos prever o que viria a acontecer. Porém, os produtores foram espertos em fazer algo totalmente diferente, para surpreender a todos e mostrar que uma mesma história pode sim ser escrita de duas formas, desde que por mãos competentes e inspiradas.

Primeiro, vamos falar sobre o grupo da prisão. Daryl e Merle são salvos por Rick e Maggie, mas depois vão embora sozinhos. Concordo em partes com isso. Eu não moraria no mesmo lugar que o maneta, mas perder uma pessoa tão importante pro grupo dessa forma é muito ruim. Pelo menos, parece que eles vão continuar a aparecer. Os Dixon estão entre os personagens mais queridos pelo público e não podem sumir dessa forma. Quem não gostou muito é Carol, e quem leu a HQ sabe as implicações que isso pode ter no futuro. Mas tirando isso, tudo parece normal com o resto da turma. Menos com Rick, lógico. Ele aos poucos está enlouquecendo e ficando cada vez mais insano, chegando a ver um fantasma de Lori enquanto conversa com o grupo de Tyreese, e tendo um breakdown. O que será que vai acontecer com ele? Fico curioso pra saber e espero que isso passe logo, não gosto desses momentos. Espero também que ele aceite o outro grupo e deixe Michonne com eles, senão eles não vão ter nenhuma chance contra o Governador.

Falando nele, é outro que mudou totalmente após os eventos em Woodbury. Agora frio, calculista e sem nada a perder, promete ser o personagem sádico e cruel que estávamos esperando. Quem está tomando as rédeas e cuidando da população da cidade agora é Andrea, que promete voltar a ser a pessoa que amávamos anteriormente. Provavelmente, ela vai ter que se mostrar forte, segura e uma boa combatente, bem aos moldes da personagem que eu sempre gostei. Com o colapso da cidade, será que Philip terá contingente suficiente para enfrentar o grupo da prisão? Ou a cidade vai desmoronar totalmente, deixando todos à mercê dos zumbis?

Foi um bom episódio, com menos ação do que os anteriores, mas com a missão de assentar um pouco as coisas após a invadão de Woodbury. Não podemos ter só tiros e pancadaria e brigas o tempo todo. Desenvolver os personagens faz parte de uma série, e isso acontece por meio de conversas e discussões. Agora é torcer para que não caiamos no marasmo da segunda temporada. E você leitor, o que achou? Não deixe de comentar e até semana que vem, no próximo episódio de The Walking Dead!
Share on Google Plus

About Bruno

Apaixonado por séries e por tudo que é novo e diferente, infelizmente não tem mais tempo para ser um seriemaníaco, desde que vendeu a alma para a faculdade. Faz faculdade de Biologia, e tenta ao máximo conciliar o curso com suas séries e, principalmente, seus realities. Começou com Harper's Island por recomendação de um amigo, e desde então não parou. Tenta manter pelo menos uma série/reality por temporada, mas nem sempre é possível, já que seu interesse por ficção e séries diferentes nem sempre é preenchido. Além disso, gosta de ir ao cinema pelo menos uma vez por semana, e assiste alguns animes quando consegue acompanhar. (@bkaozzz)
    Blogger Comment
    Facebook Comment