Survivor 26x06/07 - Operation Thunder Dome/Tubby Lunchbox


Finalmente mudanças para (tentar) melhorar a temporada.



Essa temporada precisava muito do choque dado pelo Brandon no último episódio, as alianças estão muito bem definidas, todos já sabem que quebrá-las é se jogar em baixo de um ônibus e pedir para ser eliminado. Então não prevejo nenhuma eliminação surpresa até que a fusão ocorra. Para mexer um pouco mais no jogo, mas na verdade não mexer quase nada, as tribos foram misturadas, mas os favoritos continuam com sua hegemonia em ambas as tribos.

Na nova tribo Bikal, a paranoia do Phillip continuou, mas dessa vez ele ficou tão louco a ponto de tentar transformar Julia em sua agente dupla para quando a fusão acontecer, inteligente ou não, a estratégia dele é, no mínimo, duvidosa, já que trazer um novo membro para a aliança pode levantar a ira dos que já fazem parte dela.

Já na tribo Gota, Malcolm começou novamente a fazer seu jogo altamente estratégico e sagaz, ele sabe muito bem ler as pessoas e usá-las, como vimos na última temporada. Tenho certeza que ele usará muito bem os fãs para o plano dele chegar a final. Espero que dê certo, pois ele merece chegar à final.

No desafio por imunidade, sem grandes novidades, a tribo com o melhor porte físico venceu facilmente. Assim deixando Michael, Julia e Matt com alvos enormes nas suas costas. Eu já imaginava quem seria o eliminado, já que Julia se alinhou com Phillip e Corrine tem um carinho muito especial pelo Michael.


Matt teve um jogo inteligente até que a sorte virou contra ele, ele soube se aliar com as pessoas certas na sua tribo, porém eu não o via chegando longe no programa, ele seria engolido pelos favoritos, assim como devera acontecer com seus outros colegas de tribo.


Sem grandes surpresas, o sétimo episódio da temporada foi fraco e sonolento. Tudo aconteceu como se o programa tivesse um script e as ações de cada jogador e resultados das provas foi altamente determinado previamente.

Na Bikal o Phillip continua com suas loucuras, enquanto que Corrine diz que protegerá o Michael pelo simples fato dele ser gay e a Julia continua a burra e tonga da tribo, tadinha. Já na Gota, Malcolm começa a elaborar suas estratégias, ele é muito esperto e é o que melhor consegue ler o jogo. Recrutar o Raynold foi a melhor jogada dele até então nesta temporada, já que os dois tem ídolos e pessoas que podem confiar.

Depois de perder novamente o desafio por imunidade, o Phillip, para meu deleite, começa a criar histórias de como ele deixou a outra tribo vencer o desafio, só para eliminar a bocuda da Julia, que não conseguiu ficar na dela e teve que falar para a Dawna os planos do agente federal.


A Julia pediu para ser eliminada, vamos combinar. Burra, burra, burra! Ela sabe que todo o resto da tribo está em aliança forte com o Phillip, mas vai lá e da um belo motivo para a eliminarem. Fico feliz que ela saiu, já que ela não fez nada nessa temporada.
Share on Google Plus

About Armando Wunsch

Formando em Comércio Internacional, se apaixonou por séries depois de assistir o piloto de Ugly Betty na Sony. Desde então seu entusiasmo por seriados só aumentou. Fã convicto de Grey’s Anatomy, Modern Family e The Good Wife, acompanha mais de 20 seriados semanalmente (na Fall Season). Já deixou muitas vezes de estudar e trabalhar para assistir seriados. Apaixonado por música, chocolate, Big Mac e coca-cola, sonha em ganhar na mega-sena para não precisar mais trabalhar. (@_wunsch)
    Blogger Comment
    Facebook Comment