Grimm 2x16 - Nameless



Play my game.


A maioria dos viciados em séries geralmente são gamers ou pelo menos simpatizantes da cultura. Claro que os produtores enxergam nisso um grande filão mercadológico, com isso, várias séries tentam conciliar, em algum momento, o real com o virtual. Temos Arquivo X, Castle e mais recentemente Rizzoli & Isles como exemplos, assim como Grimm, de que essa mistura quase nunca consegue ser eficaz.

Grimm estava em uma bela sequência de episódios, mas desta vez, escolhendo focar mais no caso da semana do que em sua, como nós sabemos, riquíssima mitologia, entrega-nos um episódio bem fraco, nem os poucos momentos que focaram nas tramas principais da temporada conseguiram funcionar de maneira apropriada.

Durante a festa de lançamento de um jogo, um empregado, juntamente com a chefe de seu grupo de trabalho, resolvem dar uma fugidinha para comemorar, resultando na morte do rapaz. Deixando, além do corpo partido em dois, mensagens codificadas para os detetives para que eles descubram quem ele realmente é, e porque está cometendo os crimes.

O Wesen, um Fuchsteufelwild, em busca de vingança e reconhecimento, dá um fim as suas vítimas da mesma maneira que seus respectivos avatares no jogo online, que só foi desenvolvido devido a sua ajuda. Sua identidade só é descoberta devido ao incrível dom de solucionar quebra-cabeças e anagramas, em conjunto com a bagagem de cultura inútil do Sgt. Wu.

Ainda tivemos tempo para descobrir mais sobre as visões de Juliette, que com a ajuda de Monroe e Rosalee descobre que o que está vendo é Nick em seu trailer no dia em que o detetive revelou sua verdadeira natureza. Após o ultimato de Juliette para Monroe parece que chegaremos a conclusão dessa trama e a verdade sobre seu amado virá a tona.

A principal trama da temporada, que envolve a família real quase não teve enfoque, a não ser pelo atentado contra Renard e seu parceiro, cujo encontro me pareceu muito forçado, tudo bem que tivemos a entrega do pen drive com os nomes, mas sinceramente, o arquivo poderia muito bem ser transferido digitalmente ou então enviado como correspondência. A sequência, inserida de maneira desleixada, deixou a sensação de só estar ali para completar tempo.

Cada vez mais próximo do Season Finale espero que Grimm encontre novamente o bom caminho que estava percorrendo e, se for entregar aos fãs fillers, o que não acredito que acontecerá nessa trajetória final de temporada, que não faça novamente o que fez aqui em "Nameless".

P.s. 1:
O nome utilizado pelo Wesen, Trinket Lipslums é um anagrama para Rumpelstiltskin, um dos contos mais famosos dos Irmãos Grimm.
P.s 2:
É impressão minha ou os crimes mostrados no seriado estão ficando cada vez mais explícitos e assustadores?
P.s. 3:
Hank continua avulso nos últimos episódios, Sgt. Wu está sendo muito mais importante que o coadjuvante.


Share on Google Plus
    Blogger Comment
    Facebook Comment