Revolution 1x15 - Home


This is my home...


Começamos direto de onde paramos, com Miles se tornando o novo General da "anti-milícia" com a ajuda de Georgia, e está fazendo um ótimo trabalho com relação a isso, deixando Monroe ainda mais irritado do que o normal. Então, ele chama seu antigo amigo para encontrá-lo e tentar resolver essa situação, mas ameaçando a todos da cidade natal de Matheson e seus amigos. Achei uma jogada suja e baixa de um general desesperado, mas Miles não tem outra opção. Gostei muito dos flashbacks e de saber um pouco mais sobre a vida dos personagens não só logo após o apagão, mas bem antes dele acontecer. É algo que foi pouco usado e que poderia ser melhor explorado. Foi interessante ver também um Sebastian receoso frente a um antigo amor (que ele roubou de seu ex-melhor amigo). Ele é sempre tão severo e forte, que eu não imaginava que ainda existia algum traço humano dentro do comandante. E a revelação da existência de um filho dele foi ainda mais chocante pra mim. Pena que no final ela acaba morta sem dar nenhuma explicação de onde ele está, acharia legal vê-lo cuidando de alguém como um papai coruja.

Enquanto isso, Rachel continua em sua jornada para trazer a energia de volta. Para isso, ela conta com a ajuda do diário da Dra. Warren, que tem informações importantes sobre como entrar no lugar. Porém, no meio do caminho, Aaron se depara com uma mulher muito parecida com sua antiga esposa, e corre atrás para procurá-la e salvá-la de seu "marido". Não gostei desse ser o foco do plot deles. Acho que tem assuntos bem mais interessantes para serem abordados, e eu não gosto do engenheiro desde sempre, então a história dele não me interessa. Não adicionou nada à história, foi enrolada e sem graça. Só serviu para que ele pare de pensar nisso e quem sabe se torne menos inútil

Com uma declaração de guerra por ambas as partes, parece que finalmente a ação vai começar. Com Tom Neville agora trabalhando para o lado deles, será que eles finalmente vão conseguir destruir a milícia de Monroe? Ainda assim, tirando a revelação final, foi um episódio bem sem graça. Espero que não voltemos para a enrolação do começo de temporada. E você leitor, o que achou? Não deixe de comentar e até semana que vem, no próximo episódio de Revolution!
Share on Google Plus

About Bruno

Apaixonado por séries e por tudo que é novo e diferente, infelizmente não tem mais tempo para ser um seriemaníaco, desde que vendeu a alma para a faculdade. Faz faculdade de Biologia, e tenta ao máximo conciliar o curso com suas séries e, principalmente, seus realities. Começou com Harper's Island por recomendação de um amigo, e desde então não parou. Tenta manter pelo menos uma série/reality por temporada, mas nem sempre é possível, já que seu interesse por ficção e séries diferentes nem sempre é preenchido. Além disso, gosta de ir ao cinema pelo menos uma vez por semana, e assiste alguns animes quando consegue acompanhar. (@bkaozzz)
    Blogger Comment
    Facebook Comment