The Voice 4x12 - The Knockouts, Part 2


Rumo aos programas ao vivo!

Já estou começando de cansar dessas burradas enormes que o Blake está fazendo, e para piorar o Usher decidiu se juntar a ele e passou cantores sem noção. O bom disso tudo é que na próxima semana a competição começará para valer e cada time perderá um participante. Vamos aos comentários.


As Long As You Love Me (Justin Bieber) - The Climb (Miley Cyrus)

Armando: Ai, Jesus. Blake já começou a fazer merda no primeiro knockout. O Justin foi melhor que ela, foi, não temos como negar isso, porém ela é muito mais carismática, inventiva e atual que ele. Eu nem sabia que ele existia até agora.
Rebeca: Né? Blake bateu a cabeça entre uma temporada e outra porque não é possível. A produção do programa nem fazia questão desse cara aí, quem dirá eu. Não achei ele tão superior assim e eu acho que a voz da Savannah oferece muito mais possibilidades além de ter curtido a versão que ela fez pra música do Bieber. 
Bruno: Quando eles vão aprender que não devem cantar Justin Bieber nos KOs? Justin pisou em cima da Savannah, mesmo eu gostando muito dela e preferindo que ela vá longe. Acho que ela ainda tinha mais chances do que ele de ir longe, mas é o que o Blake sempre faz. Deixa um ou dois decentes que são seus favoritos e elimina o resto da competição.


Back to Black (Amy Winehouse) - You Give Me Something (James Morrison)

Armando: Burrada número um do Usher. Josiah é bonito e vai conseguir voto que nem o Dez Duron na temporada passada, mas a Jess é uma cantora muito superior. Ela tem um tom de voz melhor que a dele e um arranjo maior ainda.
Rebeca: Ai o Josiah é bonito e canta bem mas que agonia que eu tenho dessa pose Johnny Bravo dele. Na verdade nenhum dos dois conseguiu se destacar tanto mas eu iria com a Jess porque também a acho melhor que ele. 
Bruno: Eu torcia pelo Josiah logo que eu vi esse pareamento, é um dos poucos que eu realmente gosto do team Usher. Adoro a música e a versão rock dele sapateou em cima da Jess. Ela não teve a menor chance, mesmo cantando super bem.


Live Like You Were Dying (Tim McGraw) - Teenage Dream (Luke Edgemon)

Armando: Holly é uma daquelas artistas que temos que certeza que vai longe na competição, devido ao sentimento que ela coloca nas apresentações. Mas o Luke fez algo incrível e novo, colocou uma música totalmente pop num ambiente R&B que eu amei!
Rebeca: Blake só escolho Country ataca novamente e novidade nenhuma nesse resultado. Eu concordo totalmente com o Adam no quesito que o Luke ia oferecer muito mais diversidade nos Lives enquanto que a Holly vai fazer tudo igualzinho só mudando a música escolhida. 
Bruno: Uma das favoritas do Blake. Eu preferia muito mais o Luke, acho ele um artista único com idéias diferentes e bem melhor do que a Holly, que é só voz. Mas assim que vi o pareamento já tinha certeza de quem seria eliminado.


How to Love (Lil Wayne) - Raise You Glass (P!nk)

Armando: Amo quando mudam um rap e cantam ele mais lentamente, Lindsay Pavao fez isso na terceira temporada e ela ainda é uma das minhas concorrentes preferidas. Porém, Michelle foi tão superior que era só ela cantar um verso que já tinha ganho o knockout. Espero que semana que vem ela faça algo eletrônico e diferente. 
Rebeca: Concordo em dá pontos a Audrey por tentar mudar a versão, só que não empolgou enquanto a Michelle realmente já soou bem desde o início da música e depois só melhorou. Mais do que justo esse resultado.  
Bruno: Tadinha da Audrey. Ela fez uma versão super diferente de um rap como o Armando falou e eu adorei essa originalidade, mas ela desafinou terrivelmente nos agudos, até me doeram os ouvidos. A Michelle tá no meu coração desde as BAs, e a versão super poderosa e agitada da música da P!nk arrasou mais uma vez e ela não poderia ser eliminada de jeito nenhum.


Jesus Take The Whell (Carrie Underwood) - Russian Roulette (Rihanna)

Armando: A Danielle para mim é a artista mais competente e previsível do time do Blake, vejo ela cantando músicas countrys estilo Taylor Swift toda semana, eu também daria a vitória para ela, já que a Taylor não conseguiu criar aquele momento de tensão que a música requer.
Rebeca: Resultados do Blake mais previsíveis impossível mas eu concordei nessa. Danielle talvez seja uma das que mais me agrade nesse lado Country e a Taylor não foi bem mesmo e não empolgou. 
Bruno: Alguém tinha dúvida que a Danielle iria ficar? Ela é a grande favorita do team Blake e deve chegar até as finais. Além de eu adorar essa música da Carrie e ela ter cantado super bem, lógico. Eu gosto da voz da Taylor e adorei a escolha diferente de música dela, mas pra mim falta mais carisma e presença de palco, acho ela meio apagada, além de ter desafinado um pouquinho. Vitória merecida da loirinha.


She Ain't You (Chris Brown) - (Everything I Do) I Do It For You (Bryan Adams)

Armando: Que knockout estranho, ambos foram bem medianos e espero que o VEDO melhore nos lives, pois eu gosto bastante dele. Acho que o que deixou esse knockout estranho foram as escolhas de música, tem tantas e eles escolheram essas, mas sei lá.
Rebeca: Eu não gosto de nenhum dos dois (ráh) e acho que ambos tinham que ter ficado na fase passada mas ok, entre eles acho o VEDO melhor e também seguiria com ele. 
Bruno: Eu realmente não gosto do VEDO, não acho ele bom e pra mim ele deveria ter saído há muito tempo. O C. Perkins podia trazer algo muito melhor pro team Usher, a voz dele é mais potente e ele é bem mais versátil, tendo conseguido inclusive brigar bem com o Garrett numa música mais rock, mesmo tendo ido mal nos KOs. Escolha erradíssima do Usher.


I Can't Stand The Rain (Tina Turner) - Drift Away (Dobie Gray)

Armando: Erro do Blake número dois. A Grace é uma das melhores coisas que já apareceu neste programa e o Blake elimina elas para os gordo e o magro! Ah, e Blake já tivemos uma dupla nos lives antes, Irmãs Thompson, primeira temporada (Team CeeLada)
Rebeca: Blake começou fazendo merda e terminou fazendo uma maior ainda, como assim? A Grace já era uma das minhas favoritas desde sempre e uma das competidoras mais diferentes e incríveis de todo o programa. Ai Blake, vai lá com mais uma dupla sertaneja perder feio esse ano, vai. 
Bruno: Maior erro do Blake. Ela era de longe a minha favorita do time dele, escolheu uma ótima música e acabou com a dupla chatinha. Infelizmente, ela não é uma favorita do seu coach e foi eliminada pra que as outras possam brilhar. Acho que ela poderia ir longe e até vencer. Eles, devem ser eliminados na primeira rodada dos lives.



Mr. Know It All (Kelly Clarkson) - I Don't Wanna Be (Gavin Degraw)

Armando: Erro do Usher número dois. Ok, erro do Ryan por ter escolhido essa música também, mas ele é muito superior. A blind dele recebeu quatro cadeiras, ele canta soul e tem uma voz muito mais potente que a Cáthia latina que não passará das playoffs.
Rebeca: WHAT? WHAAAAT? Talvez eu não consiga ser tão objetiva porque como eu amo essa música do Gavin e amo o Ryan, mas ok, ele realmente não foi tão bem como poderia ser e a Cáthia surpreendeu, só que ainda assim ele era umas das melhores cartas pro Usher tentar ganhar esse programa. Triste ver ele indo embora.   
Bruno: Cáthia era minha torcida desde o começo do programa e eu fiquei muito feliz com a vitória dela. Ela tem um potencial vocal imenso que ela pôde mostrar com essa música, e capaz de ir bem longe na competição. O Ryan fez uma escolha péssima pra voz dele e mereceu ser eliminado, por fazer uma versão bem chatinha. E olha que eu gosto bastante da música!
Share on Google Plus

About Armando Wunsch

Formando em Comércio Internacional, se apaixonou por séries depois de assistir o piloto de Ugly Betty na Sony. Desde então seu entusiasmo por seriados só aumentou. Fã convicto de Grey’s Anatomy, Modern Family e The Good Wife, acompanha mais de 20 seriados semanalmente (na Fall Season). Já deixou muitas vezes de estudar e trabalhar para assistir seriados. Apaixonado por música, chocolate, Big Mac e coca-cola, sonha em ganhar na mega-sena para não precisar mais trabalhar. (@_wunsch)
    Blogger Comment
    Facebook Comment