[Glee] Season 5: O desafio de seguir em frente após uma grande perda


Como todo mundo já deve estar sabendo agora, há exatamente um mês atrás, o ator Cory Monteith (Finn Hudson) foi encontrado morto em seu quarto de hotel após ter misturado alcool e heroína. O ator tinha 31 anos. E com essa notícia que pegou todo mundo de surpresa, muitos se perguntam: o que vai ser de Glee? O Freaks vai tentar te ajudar a responder a essa pergunta e, para isso, juntamos num único imenso post todas as notícias que temos do último mês que ajudem a esclarecer isso enquanto ficamos esperando os 44 dias restantes para a season 5.

Quando Glee começou, Finn Hudsdon era a cola que segurava o New Directions, um grupo de losers com personalidades completamente diferentes uma da outra. Conforme o tempo foi passando, o foco foi dividido (nem sempre justamente) entre os outros integrantes. Mas mesmo assim, Finn Hudson e Rachel Berry são considerados por muitos os personagens principais.

O rumor do cancelamento

Muitas especulações começaram a rolar pela web, até porque a série foi renovada para mais duas temporadas algumas semanas antes. Alguns diziam que não tinha como a série continuar sem o seu personagem mais carismático e outros iam mais além, falando que a série acabaria sendo cancelada porque a atriz Lea Michele (Rachel Berry) - que era namorada do ator - não ia conseguir voltar ao set e continuar trabalhando no mesmo local em que ela conheceu Cory (que, segundo rumores, a tinha pedido em casamento - mas esse é um daqueles que nunca foi completamente esclarecido). Depois de muitas especulações, o criador e produtor da série Ryan Murphy veio a público e deu uma declaração sobre esse rumor:
"Na verdade, quem tomou a decisão final foi a Lea, que achou que era uma boa ideia o elenco e a equipe se reunirem, voltarem ao trabalho e conversarem sobre as memórias que temos sobre o Cory. Então, com a bênção da Lea, foi isso que decidimos fazer. Nós vamos voltar ao trabalho e teremos um psicólogo presente por duas semanas no set para ajudar aqueles que estão sofrendo com essa perda". 
Ainda segundo o Ryan, se a Lea quisesse sair da série, ele respeitaria a decisão e cancelaria Glee, até porque, querendo ou não, Rachel Berry é a série. Eu devo admitir que fui uma dessas pessoas que achavam que teríamos um cancelamento a vista porque não achava que a Lea conseguiria lidar com isso. Mas me enganei. Se tem uma coisa que isso serviu, foi pra nos mostrar que ela está sendo extremamente forte durante esse período.

Vale a pena comentar que o que foi cancelado foi The Glee Project #SorryNotSorry.

Mudança de data

A produção da quinta temporada estava prevista pra começar no dia 29 de julho, mas devido as circunstâncias, a data de estreia, que seria no dia 19 de setembro mudou. O plano inicial era começar no dia 19, ter um hiatus em dezembro e retornar em fevereiro. A produção acabou começando no dia 5 de agosto e a estreia mudou para o dia 26 de setembro. Outra mudança é o hiatus.

É normal que as séries tenham uns 10 episódios inéditos, entrem em hiatus e voltem depois de uns 2 meses. Não vai ser o caso de Glee. Esse ano teremos apenas 3 episódios inéditos, depois o hiatus - nesse tempo, os roteiristas vão tentar achar um novo caminho para a série seguir, já que essa temporada, seria uma em que o Finn teria um certo destaque com sua história - e retorna quando a temporada da MLB (liga de baseball) acabar. Ainda não foi divulgados a quantidade de episódios que teremos nessa season.

Mudança de elenco

Em junho foi divulgado que Harry Shum (Mike Chang), Amber Riley (Mercedes Jones), Mark Salling (Noah Puckerman) e Heather Morris #chora (Brittany S. Pierce) não fazem mais parte do elenco principal. Harry, Amber e Mark ainda eram do elenco principal na temporada anterior mas a história deles era praticamente nula, então são uns que não vão fazer muita diferença. Já a Heather, como já é de conhecimento geral (se não for, vai se atualizar um pouco), está grávida e vai ter o bebê, pelo que dizem, entre setembro e outubro. Rumores que rolam por aí, dizem que ela vai voltar depois do hiatus e participar de alguns episódios e uns especulam que ela volta como regular na sexta temporada #tomara - claro que tudo depende do que vão inventar pra coitada da Britt-Britt.

Vanessa Lengies (Sugar Motta) era uma que todo mundo achava que ia sair, até porque ela foi escalada para a nova série da ABC, Mixology, mas Vanessa já declarou que não saiu e que ela volta sempre que a chamarem. Quem também confirmou que volta é o super pai Mike O'Malley (Burt Hummel), Sebastian Smythe (Grant Gustin), Ricky Martin já confirmou que está conversando com os produtores para retornar como o professor David Hernandez e a louca da NeNe Leaks (Coach Washington). Mas por outro lado, Jayma Mays (Emma Pillsbury) avisou que a quinta temporada é a sua última nos corredores do McKinley High.

Apesar dos originais terem saído, a nova molecada entrou também como principal: Jacob Artist (Jake Puckerman), Melissa Benoiste (Marley Rose), Blake Jenner (Ryder Lynn), Alex Newell (Unique Adams) e Becca Tobin (Kitty Wilde).

E para felicidades dos fãs da Quinn Fabray, rumores bem fortes que ninguém sabe quem começou e também ninguém se pronunciou pra confirmar ou desmentir, Ryan Murphy quer que a Lady Dianna Agron volte para a quinta temporada como regular, será que teremos mais um núcleo em Yale ou a querida Quinnie vai largar a faculdade e se mandar pra NY?

Adições no elenco

Segundo reportagens que andam aparecendo por aí, teremos 5 novos integrantes no elenco. O primeiro, como todos devem saber, é o Adam Lambert. O personagem de Adam ainda não teve o nome divulgado, mas já sabemos que ele vai ser o inimigo do Kurt (provavelmente em NYADA). A próxima é Ruby, que é uma nova aluna no McKinley High; também duas mulheres com vinte e poucos anos; Ryan que canta e toca guitarra; uma garota que não se sabe se é Julie ou Jenny que é meio Brittany da vida, meio peculiar e adorável, que aparece logo no segundo episódio; 3 homens entre 40 e 50 anos de idade; o talentoso e egoísta Roderick Easton; um professor inteligente e bonito chamado Jim Elliott; Jurgen, que fala com sotaque alemão ou austríaco e Henry, que só se sabe o nome e mais nada.

Especial The Beatles (5x01 - 5x02)

A decisão de não começar a quinta temporada tocando logo na ausência do Finn com certeza é um pouco arriscada, mas é o que os produtores resolveram fazer. Os primeiros dois episódios vão ser uma homenagem aos Beatles, que segundo Ryan Murphy, já estava combinado há um bom tempo e depois de uma reunião, acharam melhor continuar com o planejado, deixar eles voltarem ao trabalho aí sim abordar a morte do Cory e depois entrar em hiatus para dar tempo das pessoas (tanto fãs quanto atores) absorverem a ideia.

O primeiro episódio se chama "Love, Love, Love" e vai ao ar no dia 26 de setembro. O segundo episódio ainda não teve o nome confirmado, mas rola por aí que se chamará "Beat Beat The Beatles" já tem nome e se chama Tina in the Sky With Diamonds (-oi?) e vai ao ar no dia 3 de outubro. As músicas confirmadas/especuladas até agora são:

- All You Need is Love (Blaine Anderson, New Directions, The Warblers, Vocal Adrenaline e Deaf Choir) - episódio 5x01;
- Yesterday (Rachel Berry) - episódio 5x01;
- Help! (Blaine, Sam, New Directions, The Warblers e Vocal Adrenaline) - episódio 5x01;
- Got to Get You Into My Life (Blaine e Kurt) - episódio 5x01;
- You've Got to Hide Your Love (Kitty e Artie) - episódio 5x01;
- Hard Day's Night (Santana e Rachel) - episódio 5x01.

O desafio de tirar Finn Hudson da série (5x03 Forever Finn)


Se a gente for levar em conta o que anda saindo sobre o terceiro episódio, uma coisa é certa: se prepare pra chorar durante 42 minutos. O que sabemos até agora sobre o tributo ao Cory:

- Os produtores ainda estão decidindo como tudo vai acontecer. Eles ainda estão se reunindo para conseguir autorização para as músicas no episódio e a Lea é uma grande parte disso tudo. Ela quer garantir que o tributo faça jus a memória do Cory;
- A história do episódio vai ser sobre dependência química;
- Lea quer que o episódio mostre a verdade, para alertar as pessoas do que pode acontecer. Ainda não sabemos se o Finn vai morrer por causa de uma overdose ou se as drogas vão causar a morte dele por outros fatores ou se ele vai realmente morrer;
- Já foi especulado que o terceiro episódio vai conter cenas do elenco falando sobre os momentos favoritos deles com o Cory;
- O dinheiro arrecadado com as músicas do episódio tributo vai ser doado para uma organização não especificada.

Apesar de termos muitos rumores e poucos fatos, a realidade é que esse vai ser o grande desafio dos roteirista de Glee. De acordo com entrevistas, o Finn ia ter uma história muito interessante nessa quinta temporada, já que ele, no final da temporada passada resolveu entrar na faculdade para ser professor. Outro desafio vai ser lidar com o impacto da saída do Finn na vida da Rachel. Em uma entrevista, Naya Rivera (Santana Lopez), disse que isso provavelmente iria unir muito mais Santana, Rachel e Kurt, já que a Berry ia ter que se apoiar neles para superar a perda.

Glee, o musical

Já tivemos a turnê americana e européia (tá, Reino Unido e Irlanda, mas então...) de Glee e agora, segundo o Vice-Presidente da Fox, teremos Glee, o Musical. Segundo Gary Newman "nós lançamos um show ao vivo com uma turnê em arenas com ingressos esgotados em 2011, e agora um musical está sendo discutido". Não foi revelado se o elenco vai ser o mesmo ou se vai ser um de novatos. Mas já imaginou? Rachel Berry na Broadway?


 A última temporada

Segundo o presidente da Fox, Kevin Rilley, Glee "provavelmente acabará na sexta temporada. Mas claro que, se acharmos um grupo de talentos excepcional, quem sabe. Mas por enquanto estamos tratando essas duas temporadas como as últimas". Eu acho que tudo depende de como vão conseguir seguir com a série após a despedida do Finn. Até porque os fãs - principalmente os de Finchel - não vão curtir nem um pouco a ideia de arrumarem um novo par romântico pra Berry.

Eu não curtia muito o Finn Hudson não, achava ele meio babaca mas não posso negar que o Cory Monteith parecia ser um cara muito gente boa. Ele com certeza vai fazer uma falta muito grande e o tom da história certamente vai mudar bastante. Pra mim, a jogada certa seria trazer de volta os membros originais que tem uma base de fãs grande e que também possam ajudar um pouco a dar um ar novo na série. Tomara que isso da Dianna seja realmente verdade e que também a Heather volte para alguns episódios, ia ser muito divertido ver a Unholy Trinity juntas em NY.

"We launched a live stage business with a sold-out arena concert tour in 2011, and now a live stage musical is in the works." - See more at: http://perezhilton.com/category/glee/page/2/#sthash.TPykwURE.dpuf
Fox Television co-head Gary Newman
Fox Television co-head Gary Newman
Share on Google Plus

About Karina Nascimento

Estudante de Jornalismo, viciada em série, filmes, música e livros. O vício começou em 2000, com Dawson's Creek na Sony e depois disso, só piorou. Completamente órfã de Gilmore Girls e Veronica Mars, no momento acompanha 21 séries e pede para que parem de recomendar séries porque ela precisa de vida própria longe da televisão. (@_kaarii)
    Blogger Comment
    Facebook Comment