The Voice 5x12 - Knockouts, Part 2


E que venham os lives!

Que knockouts! Foi incrível este episódio, um dos melhores de todas as temporadas, todos estavam consistentes e mereciam estar ali. O que mais me surpreendeu é que dois competidores voltaram aos seus times de origem. Confira nossas opiniões.


Lina Gaudenzi (I'd Rather Go Blind) vs. Preston Pohl (No Woman, No Cry)

Armando: Por mais que a gengiva do Preston me dá medo, adoro as apresentações dele e seu tom de voz. Pena que ele escolheu essa música chata, dando assim lugar para a Lina brilhar.
Bruno: Adoro o Preston desde as auditions, mas acho que ele escolheu a música errada, e eu num via a hora de acabar. Lina, por sua vez, arrasou e mostrou toda a voz e o soul que ela tem e sem dúvida foi a melhor do KO. Achei que Adam fez a escolha errada e espero que ele não se arrependa depois. Ela merecia outro steal bem mais do que os que já foram roubados.
Klaus: Lina Gaudenzi sua linda, quero roubar você pra mim. Foi tão linda a apresentação dela que nossa... Preston foi muito bom também mas concordo com Xtina quando fala que não deu pra saber mais dele pela escolha da música. Fiquei torcendo pra Xtina roubar Lina mas tive que dar adeus a essa linda, infelizmente mais uma das minhas queridas eliminada. 
Wellington: Dois grandes artistas nesse knockout. Lina tem uma ótima voz, com ótimos alcances, além de ter sido ótima em sua performance. Preston também não fica atrás. A rouquidão sutil de sua voz traz um diferencial e talvez seja isso que faça dele o vendedor desse embate.


E.G. Daily (I Can't Make You Love Me) vs. Ray Boudreaux (Hard to Handle)

Armando: EG disse no vídeo que tem dificuldade em mostrar lados mais íntimos e isso mostrou na apresentação, ficou muito técnica. Já o Ray eu não sei que tipo de artista ele é, mesmo ele querendo ser soul, não o vejo fazendo isso. Eu daria a vitória para a EG.
Bruno: EG Daily é minha torcida desde as blinds então obviamente eu queria que ela vencesse. Nem lembrava do Ray e pra mim ele é totalmente esquecível e sem graça. Por melhor que tenham sido os vocais dele, ela é mil vezes mais talentosa e merecia muito passar. Agora só tem um candidato que eu goste no team Blake.
Klaus: E.G não me encanta, não me chama atenção. Apesar de Ray não ter cara de vencedor me convenceu mais que EG que foi tecnicamente boa mas não conquistou.
Wellington: Gosto da EG, mas acho que essa música não foi sua melhor escolha. Em boa parte eu achei bem boring e isso acabou favorecendo Ray, que ainda conseguiu ser bem mais consistente.


Anthony Paul (The Other Side) vs. Jacquie Lee (Stompa)

Armando: Jacquie jogou Anthony no chão, pisou, cuspiu e depois riu na cara dele. Essa guria é simplesmente incrível, merece ir longe.
Bruno: Nunca entendi porque o Anthony passou nas battles, então obviamente eu escolheria a Jacquie por ser consistente e sempre ótima. Ele desafinou nos agudos e não teve a menor chance contra a powerhouse que ela é. Ela sambou e sapateou em cima dele e arrasou!
Klaus: Anthony me assusta, tipo muito! E nessa apresentação então... benzadeus SOCORRO! Já Jacquie é uma princesa saída de contos da disney. Aliás, acho essa menina a cara de que teria filmes, séries e uma carreira grande com público teen tipo Demi Lovato sabe? Ela arrasou, uma diva, maravilhosa. Leezinha me conquistou. 
Wellington: Essa estava muito fácil pra Xtina. Jacquie é infinitamente melhor do que Anthony. A menina detonou na performance com seus alcances vocais. Além disso, é impossível não se render a doçura dessa menina. Já Anthony foi bem ruim com seus vocais inconsistentes e performance fraca. Foi tarde.


Stephanie Anne Johnson (Don't Know Why) vs. Tamara Chauniece (No One)

Armando: Quem é Tamara? Da onde ela veio? Ela mandou muito bem, mas a Stephanie me conquistou com essa escolha da música e a forma como ela contou. Virei fã!
Bruno: Adoro a escolha de música da Stephanie e ela fez uma das melhores apresentações nos KOs até agora! Já a música da Tamara devia ser proibida em reality show pois não a aguento mais! Por melhor que ela tenha sido, a Stephanie foi incomparável pra mim. Pra mim CeeLo errou e muito... Xtina por sua vez fez a escolha certíssima.
Klaus: Gente, como decidir? Team CeeLo tá muuuito bom! Incrível o nível de talento. Nem consigo decidir, é win, win. Xtina, parabéns por roubar essa fofa da Steph (apesar que esse steal deveria ter sido da Holly tsc, tsc. Gente eu sei, não consigo superar as coisas, desculpa). 
Wellington: Tamara detonou no palco mostrando não só o seu potencial vocal, mas também seu poder em performance, sem dúvidas merecia vencer a batalha. Mas Stephanie surpreendeu trazendo algo diferente do que ela fez em suas primeiras apresentações. A pegada com o violão deu um toque todo especial e fiquei feliz por vê-la volta pro seu time original.


James Wolpert (More Than a Feeling) vs. Juhi (I Heard It Through the Grapevine)

Armando: Juhi não tinha chances, mas eu vou seguir ela no twitter e facebook para ouvir o que ela lançar, pois adoro a voz dela.
Bruno: Pobre Juhi. Eu adoro ela, mas ela não teve nem chance. Ele é um dos melhores candidatos da competição, quiçá da história do programa, e não tinha como ele ser eliminado por melhor que ela fosse. Mas ela ainda tem uma vida na frente dela pra fazer sucesso.
Klaus: Juhi eu te amo taaaaaanto! Adoro o cabelo, a voz estranhamente gostosa, adorei a performance e nossa. Amo dessa menina, como pessoa mesmo sabe? quero ver ela por ai. James é ótimo sim, então nem vou reclamar muito. Mas meu coração sempre tá com os alternativos. E esse duelo fundamenta minha teoria que o Adam já tem os favoritos independente da apresentação deles.
Wellington: Juhi é diferente e por isso chegou tão longe na competição, mas não teria como mantê-la e mandar James embora. O estilo rock combina tão bem com ele exatamente por não fazer seu estilo visualmente. Vocalmente ele foi superior a Juhi e merecia a vitória.


Austin Jenckes (I'll Be) vs. Brandon Chase (Even If It Breaks Your Heart)

Armando: Adoro a voz do Austin, a paixão que ele transmite é fora desse mundo. Eu daria a vitória para ele, mesmo achando que os vocais do Brandon mostraram mais alcance.
Bruno: Por mim tanto faz que vença, não ligo pra nenhum dos dois. Mas gosto mais dos vocais limpos do Brandon do que dos rasgados do Austin, então voto nele.
Klaus: Austin eu já amo por causa da rouquidão na voz dai ele vem e me canta I'll Be que é tipo uma das minhas músicas favoritas da vida, daquelas que deixa o coração apertado sabe? E ele faz justiça e como não amar gente? Fora que ele é do tipo de artista que entrega tudo porque ele faz aquilo com maior amor do mundo. É lindo ver ele no seu próprio mundinho particular. Brandon você também foi ótimo e é lindo, quer meu telefone?
Wellington: Nunca me importo muito com o time do Blake, a não ser quando ele rouba alguém bom de outro time. Não me lembrava muito de Austin e por isso ele me surpreendeu, gostei bem mais do estilo e da escolha de música. Vocalmente ele também fez um trabalho bem feito. Já Brandon foi muito comum, não vejo nada demais nele como artista e por isso Blake fez a escolha certa.


Caroline Pennell (The Way I Am) vs. George Horga, Jr. (Because of You)

Armando: Nem prestei atenção do George, pois ainda estava amando toda a meiguisse da Caroline. Acho que ela consegue top 6.
Bruno: Eu adoro ambos e pra mim os dois precisam passar. Ela por ser única, ele por ser extremamente comercial. A performance da Caroline foi ótima como sempre, então meu voto é dela sem dúvida. Mas fiquei torcendo por um steal nesse KO.
Klaus: TEAM CLARICE FALCÃO ALL THE WAY! Gente essa menina é a coisa mais fofa do mundo, a voz mais fofa e eu amaria essa maravilhosa ganhando esse ano e fazendo justiça a todos os alternativos, compositores maravilhosos que foram injustiçados durante essas 4 temporadas anteriores (a.k.a Dia Frampton e Lindsey Pavao, por exemplo).
Wellington: Esse é outro embate muito fácil. Caroline é original, sua voz é ótima de escutar, fez uma ótima escolha musical e mereceu vencer. Já George é muito superficial, se caso ele tivesse mais consistência vocal talvez teria mais chance.


Matthew Schuler (Cosmic Love) vs. Will Champlin (When I Was Your Man)

Armando: Esse foi o KO da temporada. Ambos foram excelentes, mas o Matthew está em outro nível. Se Christina e Matthew não fizeram bobagem, eles ganham essa temporada.
Bruno: O KO que eu tava esperando e que eu sabia que ia acontecer. Will até tentou e foi bem, mas quem canta Bruno Mars devia ser eliminado imediatamente na minha opinião. Já Matthew fez o impossível e me fez gostar de um homem cantando Florence. Concordei com o steal e acho que Xtina tem um dos candidatos mais fortes pra vencer.
Klaus: Matthew é uma força da natureza! JESUS CRISTO O QUE É ISSO? Esse menino sem dúvidas é o favorito dessa temporada, grande aposta para levar o prêmio. Eu ficaria mega feliz com ele ou Caroline ganhando, ela como eu disse pela meiguice e ele por essa voz incrível acompanhada pelo estilo e bom gosto. Primeiro negão com voz de grande destaque que merece realmente ganhar porque é cativante. Agora Will meu filho, você me surpreendeu totalmente, foi incrível, eu amo tanto essa música do Bruno e nossa, você me fez querer comprar seu CD e tudo mais. Acho que essas foram duas das melhores apresentações da história do The Voice. Quero ver os dois indo muuuuuuito longe. Amei demais e só quero é que eles apresentem mais músicas logo porque, incrível, elevaram o programa a um nível altíssimo. Ótimo trabalho nessa temporada Christina, sério, um beijo pra tão bom treinamento e um aviso: não caga tudo por favor.
Wellington: O melhor knockout da noite! Xtina juntou seus melhores artistas e ambos fizeram um ótimo trabalho. Mas a minha torcida é pra Matthew desde as blinds. Tudo o que ele fez até agora foi fenomenal e o melhor é que ele é diferente de todos os candidatos negros que já participaram da competição, optando mais pelo estilo indie rock e detonando numa música de Florence. Will também foi ótimo e mereceu ter voltado pro time do Adam.
Share on Google Plus

About Armando Wunsch

Formando em Comércio Internacional, se apaixonou por séries depois de assistir o piloto de Ugly Betty na Sony. Desde então seu entusiasmo por seriados só aumentou. Fã convicto de Grey’s Anatomy, Modern Family e The Good Wife, acompanha mais de 20 seriados semanalmente (na Fall Season). Já deixou muitas vezes de estudar e trabalhar para assistir seriados. Apaixonado por música, chocolate, Big Mac e coca-cola, sonha em ganhar na mega-sena para não precisar mais trabalhar. (@_wunsch)
    Blogger Comment
    Facebook Comment