The Voice Brasil 2x05 - Audições Cegas, Parte 5


Nos grupos que participo os comentários e enquetes apontam o programa de hoje como um dos melhores dessa fase de audição cegas. Eu realmente achei que teve um nível bom, e até confesso que fiquei impressionado com o número de candidatos que tiveram as 4 cadeiras viradas para ele. Dos 62 candidatos que se apresentaram no programa, apenas 8 tiveram as 4 cadeiras viradas, sendo que 4, foi nessa noite. Entretanto, não sei se meu coração já estava preenchido por tantos bons candidatos, que tive dificuldade de me apaixonar pelos que cantaram essa noite.

Vamos acompanhar os últimos a entrarem nessa edição?

  • Khrystal – Natal/RN ("Morô?", Khrystal)



Com a cara de que foi minha professora na quarta série e nome de Sandy sendo protagonista de novela, Khrystal tem duas coisas em excesso: letra no nome e carisma. Um K? Um H? Um Y? Todos seguidos? Mas tirando o nome, foi a apresentação que eu mais gostei nessa noite. Tanto pela voz, tanto pela música (já que foi a única música de própria autoria cantada lá, que eu realmente gostei), tanto pela presença de palco e pela desenvoltura em falar diante as câmeras. Ela contando a trajetória dela, me fez apaixonar, e vê-la cantando sem sapatos, me fez lembrar da Ju Moraes, uma das participantes que mais gostei na temporada passada. Teve 3 cadeiras viradas no último segundo, e acabou indo para o time de Brown.

O que faltou? Não ter nome de cerveja barata
O quanto eu torço? 80% (Só não é mais porque minha professora da quarta série passava muito trabalho para casa)
O que podemos esperar? Apesar de gostar muito dela, acho que ela chegará longe, mas no time de Carlinhos, a Raíza tem maior potencial de ser finalista.

  • Rully Anne – Maceió/AL ("Don't Stop Believin'", Journey)




Com uma voz diferente, um pouco rouca, cantou uma música meio Glee, mas que eu gosto muito. Ela conquistou os 4 jurados e veio mostrar que mais do que cantores, eles estão a procura de pessoas com nomes estranhos. Rully Ane poderia escolher qualquer um, mas adivinha para qual time? Lulu Santos!! O time que está concentrando todos os candidatos com 4 cadeiras viradas! Ouvi boatos de quem foi na gravação das batalhas, que gente forte vai batalhar com gente forte no time do Lulu, com ele entregando de bandeja para outro time, um de seus melhores candidatos. Agora é aguardar.

O que faltou? Faltou espaço no meu coração para ela entrar.
O quanto eu torço? 32%
O que podemos esperar? No time de Lulu, se bobear, ela vai fazer igual Ju Gomes na temporada passada, mesmo com 4 cadeiras viradas, foi eliminada nas batalhas, e já haviam se esgotados os “pegueis”.

A próxima candidata é Ex-ídolos, Simone Shuester, é extremamente caricata e voltou a cara do Curupira. Ela realmente é uma participante marcante, mas ela deixa a desejar na voz. Ela é de Harmonia (RS), mas harmonia foi o que faltou na apresentação dela. Acho que o momento mais marcante da apresentação foi quando ela disse ter apenas 29 anos, mas com carinha de 45. CADE O PROTETOR SOLAR? CADE AS 8 HORAS DE SONO DIÁRIA? CADE O PACTO COM O COISA-RUIM? Ela realmente é diferente, mas num programa com Luana Camarah, realmente não tem espaço para Simone Shuester. Resultado: ninguém virou a cadeira.

  • Elias Moreira – Manaus/AM ("Human Nature", Michael Jackson)



É uma mistura de ator do porta dos fundos com tartaruga ninja e eu estou até agora tentando descobrir quem é que ele realmente se parece. Formou um pizza ENORME debaixo do braço dele enquanto ele cantava, e foi o único candidato do programa que levou apenas um parente/amigo, e não dois, como todos os outros. Lulu Santos deu uma desmunhecada divertidíssima ao apertar o botão, por isso, se alguém tiver o gif, manda aê! Mais um que teve todos os jurados virando, o que foi merecedor, pois achei ele super afinado. O melhor momento foi Brown perguntando se ele cantava algo em tupi guarani, e Lulu dando a cortada histórica: “Pela música que ele cantou e a roupa que ele está vestindo, da pra notar que ele só pensa em cultura indígena”. LULU, TE AMO!

O que faltou? Chamar alguém da plateia para fingir que é parente.
O quanto eu torço? 45%, porque eu amo porta dos fundos.
O que podemos esperar? Confesso que estou começando a crer que o único time fraco seja o de Daniel. Brown melhorou o time, mas mesmo com dificuldades, acho que ele possa ir mais longe.

  • Júlia Tazzi – Salvador/BA ("Lady Marmalade", Christina Aguilera)




Eu sou apaixonado por Lady Marmalade desde do Fama 1, quando 3 meninas apresentaram essa música (vou colocar o vídeo aqui para quem não é da geração Malhação-Academia e não conhece fatos históricos como esse)



Alô você que já tem 30 anos e ainda não arrumou marido/esposa. A Júlia com 22, já é casada e tem pinta que manda no marido – que aprendeu a tocar bateria só para entrar na banda da esposa, SOCORR. Mas alguém com aquele cabelo, com aquela jaqueta e que canta Lady Marmalade, é uma pessoa que merece nossa admiração. O melhor da apresentação foi Claudinha dançando sensual para o Daniel e ele constrangidíssmo com isso. Para variar, ela também teve as 4 cadeiras viradas, e não sei se foi só comigo, mas depois que acabou o programa eu já não sabia mais diferenciar ela de Rully. Entretanto, revendo as apresentações, foi bem visível o quão mais Julia movimentou o público e o quão mais ela tem chance de crescer nessa competição, ainda que tenha ido para o Time de Lulu.

Obs.: Só mais um dado estatístico. Dos 8 candidatos que tiveram as 4 cadeiras viradas, 5 foram para o time de Lulu Santos.

O que faltou? Confessar que bate no marido.
O quanto eu torço? 75%
O que podemos esperar? Eliminar Rully nas batalhas.

Para me contradizer nas minhas postagens, Boninho mudou o sistema e colocou só 2 não escolhidos na noite dessa última audição. A próxima candidata que não foi escolhida por ninguém talvez tenha sido uma das mais injustiçadas entre os que ficaram do lado de fora. Quando ela terminou de cantar, fez uma cara tão nervosa, que parecia aquelas gordinhas que batem nos colegas na época da escola. Mas apesar de ter gostado, confesso que achei estranho os gritos que ela deu no fim da apresentação, prefiro acreditar que foi um ato de desespero.


  • Maylssonn – Salvador/BA ("Separação", José Augusto)



Uma pessoa que se chama Maylssonn não precisa colocar nem o sobrenome: é único no mundo. Mais um representante dos cantores de pagode que não conseguiremos diferenciar. Mhayulçonnyy foi tão mediano que eu fico me perguntando qual é a tal estratégia que Claudia Leite fala que a faz virar para esse cara, mas não para a gordinha anterior que batia nos coleguinhas. Não que ele não cante bem, mas ele tem que comer muito vatapá, se quiser chegar longe nessa competição. E se tem uma coisa que eu mais odeio que pessoas que usam óculos escuros em locais fechados é gente que usa óculos com lente sem grau. Só uma dúvida me bateu: Será que os candidatos são instruídos a fazerem um suspense antes de escolherem os técnicos ou isso é arte da edição? Porque todos fazem um suspense fora do comum.


O que faltou? TIRAR ESSES ÓCULOS, POR FAVOR!
O quanto eu torço? 15%.
O que podemos esperar? Uma batalha com o Xandy e Claudinha para economizar tempo eliminando os dois.


  • Gabriella Matos - São Paulo/SP ("Whole Lotta Love", Led Zeppelin)


A pessoa canta Led Zeppelin, tem tatuagem de presidiário americano (uma letra em cada dedo na mão) e tem a opção de escolher entrar para o time de qualquer técnico. Porém, adivinha para qual ela escolhe ir? Para o time do sertanejo. Pois é, nem Daniel acreditou. Inegavelmente quem tem as 4 cadeiras viradas é uma boa candidata e Lulu chegou a afirmar que ela tem uma das melhores vozes que passou por ali no programa. Inclusive, Lulu está cada vez com comentários mais técnicos e coerentes, o que tem só a somar. Não sei como está a receptividade do público para a Gabriella, só sei que metade da minha timeline ficou desejando o namorado dela.

O que faltou? Beijar o namorado na comemoração e matar de raiva as invejosas.
O quanto eu torço? 49%
O que podemos esperar? Uma batalha com Anne Marie e ela botando a coitada da Anne no chinelo.

Obs.: O programa é The Voice Brasil, mas também poderia se chamar The Voice Nordeste, The Voice Gordinhos ou The Voice Rock n Roll. Porque todos os candidatos atendiam ao menos um desses pré-requisitos. Cadê diversidade? Cadê um país de todos? Cade magros nortistas cantando pagode? 


  • Nando Motta – Niteroi/RJ (“Nós” – Cássia Eller)



Achei interessante e diferente. Não consegui determinar bem o estilo dele, já que sua jaqueta de moto-taxista me atrapalhou nessa determinação, mas acho que no geral, ele é um pacote bem completo. O melhor de tudo é que ele é realista. Ao ser indagado pelo apresentador, como ele se via daqui alguns anos caso alguém virasse a cadeira, ele foi bem sensato em sua resposta: “Ai é uma escada”. Porque já foi a época em que participar de reality show mudava a vida de alguém, principalmente os musicais. Apenas Lulu Santos virou a cadeira para ele, então ele não teve o que escolher. Foi o último cantor do time de Lulu.

O que faltou? Falar quanto é a corrida.
O quanto eu torço? 78%
O que podemos esperar? Eliminado na batalha, mas salvo por um peguei.


  • Vivian Lemos – Londrina/PR ("Back to Black", Amy Winehouse)


Completando o time das gordinhas simpáticas que fazem danças estranhas, Vivian Lemos fez uma versão de Amy Winehouse  tão diferente, que por mais que todo mundo conheça a música, precisou de metade da canção para reconhecermos o que era. Teve gente que até depois que ela terminou de cantar, achou que ela cantava Adele pela forma melancólica que ela transformou a música. Eu acho que modificar a música só é positivo quando fica melhor do que o original, e pegar uma música que excelente, é algo arriscado. Mas a versão dela não deixou a desejar, apesar de não ter superado a original. Entre Claudia Leite e Daniel, ela optou por Daniel. Lembrei da Carol Marques da edição passada: Canta bem, mas vai rodar na primeira votação popular.

O que faltou? Evitar dancinhas engraçadas que na verdade não são engraçadas.
O quanto eu torço? 78%
O que podemos esperar? Eliminada na primeira votação popular contra uma dupla sertaneja.



  • Marcela Bueno – Jundiaí/SP ("Jeito de Mato", Paula Fernandes)



Vocês repararam que enquanto ela cantava, Carlinhos e Lulu estavam inconformados que Claudia não virava a cadeira? Caso revejam o vídeo, verão Brown comemorando quando Milk virou. Na ordem mostrada do programa, Brown teria vaga, mas eu creio que nessa altura da gravação, só Claudinha tinha vaga, e na edição eles mudaram a ordem. Ela é afinada, e confesso, eu gosto de Paula Fernandes (Me julguem!). O timbre dela não me agradou muito, parece voz de quem tá com adenoide, mas acho que foi merecida sua entrada no programa.


O que faltou? Agradecer a avó pela escolha da roupa pro programa.
O quanto eu torço? 30%
O que podemos esperar? Eliminada na batalha, mas salva no peguei. O que vai me deixar puto da vida, pois melhores participantes serão eliminados por falta de “peguei” disponível.


  • Nene Oliveira - Nova Iguaçu/RJ ("Love Song", The Cure)


CARA! Amei essa menina! O sotaque marrento carioca, o estilo e a desobediência aos pais pastores e evangélicos em não quererem que a menina fosse para o The Voice porque NÃO É DE DEUS. E para matar a mãe do coração ela foi pro time do técnico que falava em Orixás. Certeza que apanhou quando chegou em casa. Ela é nova, tem muito que amadurecer musicalmente, mas eu me apaixonei pela história feat. apresentação. No fim ela confessou que ao perceber que ninguém havia virado, ela terminou cantando de olhos fechados, e só quando acabou abriu os olhos que viu que Brown havia virado. Eu revi a cena e pude ver (e sentir) essa emoção que ela te descreveu.

O que faltou? Levar Pepe. "Aaaaaah Por que você não veeeeem ficar comigo?"
O quanto eu torço? 89%
O que podemos esperar? Ameaças de morte a Brown, se ele elimina-la na batalha. (Mas creio que é o que irá acontecer L)

Pronto pessoal! Já acabaram as audições cegas e agora em cada programa será um sacrifício ir despedindo dos nossos favoritos, mas iremos transformar cada tragédia em uma descontração! Aguardo vocês semana que vem!

Beijos, me sigam no twitter @viniciusdavila
Share on Google Plus

About Vinícius D'Ávila

Viciado em reality show, vive em um mundo paralelo onde acredita veemente que vive em uma especie de "O Show de Truman". Ficou anos em depressão após a morte de Juliet em Lost, mas já superou. Coleciona feijão enlatado na expectativa de um apocalipse zumbi. Seu maior sonho é virar técnico do The Voice, mas não sabe cantar - e nem quer aprender. Não usa óculos, mas achou que ficaria legal estar com esses nessa apresentação.
    Blogger Comment
    Facebook Comment