White Collar 5x03 - One Last Steakout


“Hagen’s free. I’m not.”

Eu já tinha previsto que Agent Siegel não ficaria por muito tempo. Mas eu nunca poderia imaginar que seriam somente dois episódios e que sua saída seria trágica. Devo admitir que mesmo tendo sido manipulado por Neal durante todo o episódio, gostei mais de como desenvolveram a relação dos dois agora do que na semana passada. Foi uma pena que ele tenha sido assassinado, pois vê-lo tomando conta de Caffrey, Moz fugindo dele pois não podia ser reconhecido e Peter tendo dificuldade em desapegar do antigo cargo estava ficando interessante. E também por que agora Peter não vai se cansar até conseguir pegar o culpado, e de tanto fuçar vai acabar encontrando a armação de Neal com Hagen.

Alguma coisa me diz que não foi Hagen quem matou Siegel, apesar de o corpo ter sido encontrado no local onde Neal encontrou com ele. O cara acabou de sair da prisão e não quer nem roubar um museu para não se comprometer, é claro que nem se arriscaria a matar um Agente do FBI e deixar o corpo na calçada. Isso parece ter sido feito por quem encomendou o serviço a Hagen, já que está cada vez mais parecendo que nem mesmo ele sabe de todos os passos para este grande roubo (as respostas evasivas dele para as perguntas de Neal demonstraram muito bem isso).

Aliás, essa história está bem longe de acabar. Neal sabia que estava fazendo um pacto com o diabo quando entrou nessa história, e agora Hagen usará toda a expertise de Caffrey para roubar o que quer que ele esteja planejando sem se colocar em perigo. Tomara que a cópia que Mozzie fez do capítulo roubado do tal livro sirva de vantagem para eles em algum momento, por que fora isso, eu diria que Neal entrou num labirinto sem saída.

E por falar no livro roubado, Neal usou seu charme com a funcionária do museu para colocar o plano em ação. Gostei da Rebecca e seria bacana ver Caffrey tentando outro relacionamento, só não sei se estou pronta pra aceitar que Sara não retornará (Neal&Sara forever <3 ).

A desconfiança de Peter ao checar sempre o GPS da tornozeleira o deixa a poucos passos de começar a encontrar o rolo de Neal. Assim que ele souber que Neal esteve no mesmo local pouco tempo antes de Siegel ser assassinado, a coisa vai feder. Só acho que Caffrey tem que parar de se enrolar mais ainda nisso e contar tudo a Peter. Juntos, os dois conseguirão pegar Hagen e quem estiver por trás disso.

PS¹: Não entendi por quê nem pra quê Jones foi promovido. Pelo nome do cargo (Agente Especial Supervisor), quem sabe não será ele o novo responsável por Neal agora que Siegel se foi.

PS²: O que foi aquele show de perucas do Mozzie? Morri de rir com “Too Ringo?” –“Too Bieber”. HAHAHA
Share on Google Plus
    Blogger Comment
    Facebook Comment