The Voice 5x24/5x25 - Top 5 Perform/Results


Apresentações emocionantes.

Uma noite cheia de apresentações altamente pessoais e tocantes. Todos decidiram ir pelo mais óbvio e usar sua potencia vocal ao máximo, com músicas batidas e que dão ao interprete a possibilidade de mostrar toda a sua sensibilidade ao mesmo que tempo que usam o poder vocal para atingir notas altas e conquistar o povo americano. O ruim dessa semana é que tivemos apenas uma música por candidato, assim não deu chances deles mostrarem algo diferente.


James Wolpert - With Or Without You (U2)

Armando: Que apresentação massante. Os vocais dele voltaram, porém faltou paixão, energia. Ele cantava super afinado, mas não é uma apresentação digna de levá-lo ao top 3.
Bruno: Achei que foi a escolha perfeita pra voz do James. Ele tem aquele tom meio Bono Vox desde sempre e essa música explora tanto os graves quanto os agudos. E eu tava na expectativa dos agudos finais e ele não me decepcionou. Ótima performance!
Klaus: James tinha me cativado uma vez mas isso foi embora assim como veio, de repente. Além de ter tido uma apresentação tecnicamente boa ele não demonstra emoção e parece que tá ali por estar. Não quero ele na final.
Wellington: Esperava uma performance mais poderosa por se tratar de semifinal. Mas achei que James conseguiu ir crescendo junto com a música que atingiu um bom patamar de qualidade. Adoro os agudos que ele faz e sem dúvidas esse foi o ponto alto de sua apresentação. Entretanto, foi uma apresentação um pouco inferior às demais.


Will Champlin - Carry On (Fun.)

Armando: Ele merece um ponto por sair da zona de conforto, usar o palco e tal. Mas os vocais foram terríveis. Ele errou muitos agudos, sem falar que ele colocou 0% de emoção nessa apresentação, ele ficou calculando demais todo o cenário.
Bruno: Quase nas finais e eu ainda não sei que tipo de artista ele é. Ao contrário dos outros que foram consistentes, ele meio que ainda não parece ter encontrado sua identidade. Ele errou uns agudos ali no meio, mas nada que comprometesse a performance que pra mim foi muito boa. Mas não acho que tenha sido suficiente para levá-lo pra final.
Klaus: Gosto muito do Will, discordo dos meninos porque eu realmente me senti atraído pela apresentação dele e acho que foi uma apresentação muito boa. Will é bem mais interessante pra mim que James.
Wellington: Como sempre sou do contra vou dizer que eu gostei mesmo dessa apresentação do Will. Senti mais emoção, coisa que não sentia antes. Foi uma música bem escolhida e com um bom arranjo. Os vocais tiveram suas falhas, mas não acho que isso atrapalhou a apresentação, que num todo foi muito boa.



Jacquie Lee - Angel (Sarah McLachlan)

Armando: Que apresentação linda e delicada, ela mostrou que sabe muito bem o que faz e continua me surpreendendo e ocupando um lugar cada vez maior no meu coração. Adorei que ela mostrou vários lados da voz dela: começou controlado, depois explodiu e encerrou super controlada.
Bruno: Acho que ela tem cara de vencedora e tem tudo pra levar essa pro team Xtina. Ela soube balancear muito bem o lado mais agressivo e mais suave e fez uma performance linda, uma das melhores dela no programa. Ela evoluiu lindamente e tem tudo pra fazer muito sucesso.
Klaus: Alguém pode fechar tudo e entregar o prêmio pra essa mini diva? Ela tem vocais incríveis, transmitiu uma emoção e confiança díginas de profissional. Jacquie tem cara de vencedora, tem cara de talento novo que daria sucesso no mercado e nossa, a parte da Jacquie vamos falar de como Sra. Christina Aguilera está incrível esse ano? Quão ótima treinadora ela tá sendo? Melhor temporada de Xtina e sem dúvidas merece essa vitória.
Wellington: Perfeição! A voz de Jacquie é uma das vozes mais bonitas e tocantes que eu escutei durante os últimos anos. Não me lembro de outra que mexesse tanto comigo. Além de que ela consegue passar cem por cento de emoção em todas as suas performances. "Angel" caiu como luva para a personalidade de Jacquie, ela conseguiu mostrar todas as suas habilidades vocais, mesmo eu achando que ela ainda pode mais. Espero justiça do povo americano, pois The Voice sem Jacquie na final não dá.



Cole Vosbury - Shameless (Garth Brooks)

Armando: Com uma música linda dessas fica difícil de errar, então pela primeira vez em um bom tempo a apresentação dele foi cativante. A música serviu como um luva, foi como se ele estivesse voltando ao programa para cantar o primeiro single dele.
Bruno: Gostei da performance, mas achei que ele jogou muito safe. Não foi nada diferente do que eu esperava para ele e não me surpreendeu, pelo menos até o final da performance. Quando ele saiu do piano aí sim ele começou a brilhar de verdade e mostrar a que veio. Ele precisa cuidar da afinação nos agudos também. Gosto do Cole e acho ele o melhor artista country que já passou pelo team Blake, então espero que vá pra final.
Klaus: Muito gostoso mas nada que fosse outstanding. Fez uma apresentação no nível das que vinha fazendo, todas boas, mas não dignas de ser nomeado The Voice.
Wellington: De todos do Team Blake Cole é claramente o único que merecia estar aonde está. O discurso é o mesmo: Gosto do timbre, do estilo musical dele e dele principalmente, me simpatizo com a simplicidade do cara. A performance foi boa, Cole conseguiu diferenciar um pouco, tentou notas mais altas, com algumas falhas, mas conseguiu fazer algo legal, mas não quero que ele vença. Os outros quatro são muito melhores do que ele e durante toda a temporada mostraram muito mais potencial.



Tessanee - Bridge Over Troubled Water (Simon and Garfunkel)

Armando: Apresentação impecável. Não tem mais o que dizer.
Bruno: Sem palavras pra descrever o que foi essa performance. Tessanne sambou e sapateou de salto 20 na cara da concorrência e venceu essa semana com a performance mais linda que eu já vi no The Voice. Essa mulher quase me fez chorar com esses vocais lindos. Perfeita.
Klaus: Diva, rainha e melhor da noite. Já pode guardar a vaga dela pra semana que vem porque essa merece estar aqui. Sem nenhum defeito!
Wellington: Tessanee teve depois de Jacquie a apresentação mais poderosa da noite. Como de costume, vocais impecáveis e emoção a flor da pele. Encerrou a noite maravilhosamente bem.

RESULTADOS

Uma noite cheia de ex-The Voices: Swon Brothers colocaram todos no dormindo, Michelle deu até o chão com o povo americano, Cassadee mostrou o por quê é a melhor vencedora do programa e a DaniZZZZzz.

O primeiro eliminado da noite, como já era esperado foi James Wolpert, que infelizmente fez uma apresentação que não foi digna de final. Porém, vale lembrar que ele foi um dos melhores competidos que o programa já teve e o Adam usou-lo de forma incrível. Pena que ele deixou de crescer na competição.

Outro foi Cole Vosbury, que realmente me surpreendeu com sua apresentação de Adorn. Ele foi um ótimo competidor, mas fico tão feliz que Blake não terá ninguém na final! E outra, ninguém lembrará de Cole daqui três meses. 
Share on Google Plus

About Armando Wunsch

Formando em Comércio Internacional, se apaixonou por séries depois de assistir o piloto de Ugly Betty na Sony. Desde então seu entusiasmo por seriados só aumentou. Fã convicto de Grey’s Anatomy, Modern Family e The Good Wife, acompanha mais de 20 seriados semanalmente (na Fall Season). Já deixou muitas vezes de estudar e trabalhar para assistir seriados. Apaixonado por música, chocolate, Big Mac e coca-cola, sonha em ganhar na mega-sena para não precisar mais trabalhar. (@_wunsch)
    Blogger Comment
    Facebook Comment