Switched at Birth 3x04 - It Hurts to Wait With Love if Love is Somewhere Else

"It Hurts to Wait With Love if Love is Somewhere Else", Friedensreich Hundertwasser, 1971.

Conflitos internos, gritados, segredados, silenciados. Beijos equivocados, sentimentos misturados; incertezas. Uma gota de riso num oceano de drama: esse foi o 3x04 de Switched at Birth! Preparados pro  iminente 'efeito dominó' nas próximas semanas?

Quando EBay fazem um trato onde ele fotografa para o portfólio dela e ela o ajuda no projeto de astronomia (chuva de meteoros... sounds romantic or nerdy, rs), Ty resolve enviar um e-mail e Mandy não para de mandar sms. Mandy? Seattle? Fotógrafa? QUANDO ISSO, PRODUÇÃO?! Emmett nos chats uol +18 e Bay aka Nancy Drew achando que a melhor maneira de esquecer sobre Ty fosse tentar algo com o ex, de novo. SOS ALERT!  "It's a fresh start," disse Emmett depois de ser beijado e ter sua câmera quebrada e é o que eles precisam de fato! Bay agiu como uma louca ciumenta o tempo inteiro, tentando justificar as próprias ações nos erros do passado amoroso, nas desilusões que viveu e eu senti muito por ela. Senti, principalmente, por ela sentir-se "alvo fácil de traições" - uma vez que ele parou o beijo dela mas não impediu Simone de fazer o mesmo - por ela não conseguir sequer olhar pra sua melhor arte sem lembrar do Ty; por ela estar aos pedaços... Essa sequência, ao menos, serviu pra sepultar Ebay e não sei se conseguirão, de fato, ser amigos também. Foi um dia de privações, menina Bay... mas há ganhos disfarçados de perdas; mude a perspectiva!

That awkward moment when... Daphne é uma hipotenusa. Que existe uma tensão sexual entre ela e Campbell é fato, mas ele demonstrar que também está a fim dela... wow! A cena do basquete foi especial não só pelo momento criado, mas por imprimir a marca de que há muito mais do que um quadro de deficiência, há muito mais a ser dito sobre o 'Mr. Hot Wheels' - principalmente quando uma tentativa de beijo está a caminho! Se Daph já estava confusa (e eu apoio ela ter dignidade de não ser a 'outra'), Jorge e todo aquele papo vegan não ajudou muito, uma vez que a conversa culminou num encontro regado a comida mexicana, reunião familiar e... beijos. O que essas meninas têm, afinal? É a roleta russa dos relacionamentos, minha gente? Socorro! Quando a gente pensa que as coisas vão começar a ser mais calmas, ok, era apenas um crush (não, eles são meu OTP!), Campbell diz ter terminado o namoro. OI? Meu shipper é real, senhoras e senhores! Entendo que ele fosse reticente quanto a romper com Gretchen - uma vez que eles estiveram juntos antes e depois do acidente, ela segurou a barra e o aceitou na nova condição (muitos fogem ao primeiro sinal de problema, infelizmente), mas isso não implica dizer que um relacionamento continue fadado pela rotina e conveniência. Adeus, Gretchen, por favor, não volte!  

Quando John propôs a Kathryn uma viagem a Nashville e ela falou do Opry eu só consegui pensar que eles perderam o show da Juliette semana passada! Ok, Vanessa, foco em SaB! Kath tem sua própria agenda e Renzo tem sido muito, muito bom pra ela! Voltar a escrever, viajar... viver! Ela tem precisado bastante e, infelizmente, não tem encontrado esse suporte em casa. Mas... o que falar da crise de meia-idade do John? Tive de pausar a cena dele fantasiado de Fonzie (Happy Days) de tanto que ri! Acho que comprar uma moto foi a maneira encontrada pra 'chamar a atenção' e/ou retaliar o que a esposa tem feito. "No, I get it. You want to fly solo. I can fly solo, too." Ele sempre a teve por perto sem voz ativa e, no momento em que percebeu que ela estava 'alçando voos', resolveu 'inventar' algo também. A parte boa disso tudo é que eles, enfim, puderam conversar sobre os conflitos internos com honestidade, John só precisa enxergar que, assim como a política não é algo que o apetece, ele também não é apenas um jogador aposentado; precisa descobrir qual próximo passo dar! 

A comunicação que, felizmente, começa a surgir na casa dos Kennish, ainda falta pra Angina. Quando ele ganhou os 5 milhões, fez questão de chamar o dinheiro de 'nosso' mas, quando Regina, finalmente, investe no seu negócio, ele pede de volta porque já não existem recursos pra seguir com o próprio investimento; ainda vem com papinho de confiança! "Do you even hear yourself? You're just jealous because he can give me what you can't. The money to fix your mistakes." Wes quer Gina trabalhando exclusivamente pra ele e adianta os $50.000 de seus faturamentos pra que ela independa de um Angelo ciumento - e que, a meu ver, está caindo num golpe com aquela fulaninha do restaurante. Claro que Wes pode ter segundas intenções com Regina, mas ela não é mais criança, certo? O Sorrento deveria começar a valorizá-la como pessoa e, principalmente, como profissional! Falando nisso, acho que o projeto de restauração do antigo auditório em East Riverside ficará lindo, mas trará ônus também, ao passo que Wes é empreendedor e ambiciona uma fatia maior, talvez desapropriando empreendimentos de outras pessoas que não poderiam pagar por outro lugar e, consequentemente, ficariam desempregadas. Sinuca de bico, Gina! 

O que eu mais gosto na série é que ela é sempre muito coerente e os plots nunca ficam soltos, sempre nos fazem refletir. A irmã do Jorge era cabo eleitoral do Coto, dai vem aquela máxima de que toda história sempre tem dois lados e, se vimos a campanha eleitoral pela visão desconstruída de um político que mantinha relações com internas, estamos próximos a conhecer o tal 'orgulho latino', onde pessoas tentam ser reconhecidas elegendo um 'semelhante' que possa entender as dificuldades de se viver longe do país de origem. Coisas de SaB, sempre surpreendendo! E, confesso, me deixando curiosa por mais disso!

Melhores quotes (todos da Bay, ela estava on fire!):

"Resist the hotness." #BayConselheira 

"Mandy. Again. She must have the world's fastest thumbs."  #BayCiumenta

"Off to the gay pride parade?" #BayIrônica

"Plus, you know that I don't speak Klingon?" #BayIrônica

PS.: O que falar da referência do Tank sobre a 'namorada virtual' do Emmett? Mandy foi comparada com a 'namorada' do Manti Te'o - jogador do Notre Dame que, em 2012, fez muitos sofrerem com a morte de uma namorada inexistente! Se você se acha 'forever alone', reveja seus conceitos lendo mais aqui e aqui
Share on Google Plus

About Vanessa Reis

Hey 23, call me! (@neereis)
    Blogger Comment
    Facebook Comment