Arrow 2x14 / 2x15 - Time of Death / The Promise


Quando o passado volta assombrar o presente.

Arrow continua nos surpreendendo episódio pós episódio. O retorno de Sara Lance foi a cerejinha do bolo para que Lauren, a chata mais blá blá blá do seriado pudesse, finalmente, aceitar a sua condição de alcoólatra. A reaproximação das irmãs uma hora iria acontecer e foi graças ao jantar para o pai super honesto, Oficial Lance, que Laurel vomitou todas as palavras que ela tinha guardado desde que recebeu os chifres de sua irmã. Pelo menos no final, deu a entender que as duas vão se resolver. Agora que Sara virou integrante do Team Arrow, podemos esperar muitas confusões e ação para o seriado.

Adorei o fato de Felicity sentir ciúmes do relacionamento Oliver e Sara, ainda mais quando a minha diva Felicity acaba salvando o dia, como aconteceu no episódio "Time Of Death". Felicity é a alma do seriado e eu não vejo a hora que Oliver acorde e perceba a incrível mulher que é Felicity. Eu gosto da Sara, mas ela jamais será uma Felicity. Então, vou aproveitar os momentos dele remember dos dois enquanto shippo sem parar Ollicity. E por favor, alguém apareça para "resgatar" Laurel desse mi mi mi sem fim! Não aguento mais vê-la se lamentando no seriado. É nessas horas que me arrependo de matarem o Tommy, o único que eu gostava com a Laurel.

O episódio 2x14 foi só o preparo do terreno para o que seria um dos melhores episódios do seriado até agora: o 2x15 ("The Promise"). A forma como o episódio se encerrou, com Slade aparecendo para Oliver e sendo o responsável pela campanha da mamãe Queen foi sensacional. Mais ainda depois que vimos a cara de tosco do Oliver de "What the Fuck?". Sim, a cara de Oliver foi impecável, uma cara de quem não sabe como Slade está vivo e ainda querendo se vingar de Shado. 

O episódio passou bom tempo mostrando o que aconteceu na ilha e foi nítida a evolução de Oliver como aprendiz de Arqueiro. Aliás, foi a primeira vez que vimos ele usando o capuz na ilha, num figurino a la início de Arrow Green. Uma pena saber que Slade e Oliver ainda terão muitas coisas para resolverem. Eu confesso que, às vezes, os flasbacks da ilha me irritam, mas nesse episódio, que eles foram os protagonistas, não me irritaram tanto. Eu só queria saber o que aconteceria com Slade depois que ele descobrisse que Shado morreu porque Oliver tentou proteger Sara.

Claro que minha reação foi a mesma que Oliver: cara de cu espantalho. Mas sabemos muito bem que essa história toda ainda não acabou e o fato dele (Slade) ameaçar a família e todos por quem Oliver sente carinho foi só um presente que os roteiristas deram para nós. Afinal, a história mal começou e já sabemos que Oliver vai perder algum ente ou amigo querido, novamente. Minha aposta é que seja Sara Lance. O motivo é simples: se Sara morrer, Laurel tem tudo para assumir a identidade secreta (como nas HQs) de Canário Negro. Mas vamos ver no que vai dar, ainda mais agora que Slade tem todos os olhos (um Big Brother Starling City) voltados para a mansão Queen e ele já disse que sabe quem são os aliados de seu futuro inimigo.

PS: A promessa que Slade fez para Oliver, depois de matar Ivo, foi de tirar o folego! Estou ansiosa para saber como ele cumprirá o que prometeu.
Share on Google Plus

About Gabriella Siggia

Formada em Direito, eterna estudante, bem humorada, alto astral e alegre, mora em São Paulo. Viciada em músicas, filmes e seriados americanos. Seriemaníaca de carteirinha! Mantém um blog pessoal em : http://gabyscseries.blogspot.com/ (@gabyever)
    Blogger Comment
    Facebook Comment