Chicago PD 2x14 - Erin's Mom


Trazendo problemas.

Não consigo de deixar de elogiar essa brilhante série policial que a cada semana consegue nos surpreender e fazer um excelente episódio. Eu já imaginava que a mãe de Erin iria causar muitas dores de cabeça para a filha, mas saber que ela estava meio que envolvida com todo o esquema fez eu repensar muito sobre a minha relação com minha mãe. Tudo bem que ela procurou a filha quando viu que as coisas estavam estranhas, mas acho que nada justifica a forma como ela trata e sempre tratou a Erin. Para nossa sorte e da Erin, Voigh sempre está por perto sendo o paizão e a mãe que ela nunca teve.

Esse caso da semana mexeu com toda a minha estrutura. Matar um pai e um filho daquela maneira foi cruel. Achei foi pouco a mulher ter atirado no vilão. Para mim, ele merecia uma boa tortura por tudo o que fez. Tudo bem que Voigh está tentando ser um exemplo de policial, mas casos como esse merecem trazer o velho Voigh de volta, não acham?

Linstead continua tão fofo que mesmo que não tenha rolado alguma pegação entre eles continua me deixando desequilibrada. E que cena linda foi aquela no carro com os dois comentando a possibilidade de sacrificar uma parte do corpo para que Voigh permita o namoro deles? Eu preciso de Jay na minha vida! E se a Erin bobear, vai perder o Jay para mim, rs.

Desde que Dick Wolf lembrou de Antonio, o policial latino e irmão da minha xará está podendo aproveitar seus 5 minutos de fama. Para tentar mostrar a sua importância na Inteligência e na série, Antonio teve que lutar com os bandidos e ter a ajuda de Jay e Vough para prende-los. Mesmo que Dick Wolf tenha me decepcionado com o meu shipper Natonio (Nadia e Antonio) eu até que gostei que ele catou a Detetive que veio ajudar e pode mostrar as suas tatuagens (e o corpo esbelto) para nós. É disso que Chicago PD precisa: de mais homens sarados que fiquem sem camisa!

Falando na Nadia, ela até que anda me surpreendendo e adoro a relação dela com a Platt. Platt pode até ter ficado apagadinha nesse episódio, mas sabemos que ela brilha mais que a lanterna do carro do Antonio. Agora é só esperarmos para vermos Nadia tentando entrar para a Inteligência e Platt divando como sempre faz. E que venha mais drama para meus policias favoritos de Chicago!

PS: Sei que Dick Wolf está querendo dar mais destaque para Linstead, mas custava muito colocar cenas hots e calientes de Burzek? Será que é pedir muito? Depois de tudo pelo o que os dois passaram, eu acho que não!
Share on Google Plus

About Gabriella Siggia

Formada em Direito, eterna estudante, bem humorada, alto astral e alegre, mora em São Paulo. Viciada em músicas, filmes e seriados americanos. Seriemaníaca de carteirinha! Mantém um blog pessoal em : http://gabyscseries.blogspot.com/ (@gabyever)
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário