The Originals 2x13 - The Devil is Damned


Uma série de surpresas.

Mais uma semana em que The Originals prova ser uma série competente e isso faz nós, o público que deu chance à série e resolveu acompanhar, muito felizes. A cada episódio a série trás um elemento diferente, que sem qualquer dúvida, acrescenta muito na história que está sendo contada na temporada. As intrigas familiares só aumentam e a disputa pelo poder e a sede de vingança são os grandes pontos de partida para que essa guerra só venha a crescer.

Finn teve grande exito no seu plano de localizar Hope. Além de contar com o suporte de Freya, que por sinal promete não simpatizar nem um pouco com os irmãos vampiros, ele também conseguiu criar uma distração para Hayley enquanto chegava exatamente aonde estava a nova primogênita da família Mikaelson. Todo o lance de Hayley ficar quase todo o episódio para conseguir o sangue de Jacskon para despistar Finn acabou tirando mais força dessa trama do casamento. Ao que parece, essa união pode ser muito importante para a proteção de Hope, mas a forma como estão conduzindo está ficando um pouco arrastada.

Já na mansão de Klaus a situação é bem diferente. Rebekah voltou num corpo diferente, mas a atriz está fazendo um bom trabalho, principalmente quando se fala em sotaque e atitude. O confronto com Kol foi muito intenso, afinal, Klaus vai fazer de tudo para proteger sua cria. Kol precisou provar de uma vez por todas sua lealdade ao irmão, fazendo Klaus voltar a sentir compaixão por ele. O plano para enfraquecer Finn deu certo, o que não se sabe agora é se o bruxo realmente morreu. Além disso, Freya ainda promete mostrar a que veio e ela sabe que a tal tia Dahlia ainda pode aparecer.

Mas a maior surpresa vem do que vimos de Hope ao final do episódio. Uma criança prodígio, assim podemos dizer, e com certeza com poderes muito maiores do que poderíamos imaginar. Hope começa agora a se desenvolver e a mostrar que deve ser chave crucial no futuro da trama. Aposto no crescimento acelerado da menina e que com isso num futuro bem próximo ela venha interagir mais com o restante dos personagens.
Share on Google Plus

About Wellington Laurindo

Não vive sem música e tem em sua mente uma trilha para cada momento/ período de sua vida. Na vida de seriemaníaco há uns cinco ou seis anos, mas com um background de seriados clássicos desde sua infância. Está deixando a vida ditar por si própria os caminhos que deve seguir e esperando que isso venha dar certo. (@Wellington_Ign)
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário