Glee 6x10 - The Rise and Fall of Sue Sylvester


The Final Countdown.

Parece ontem que assisti ao primeiro episódio de Glee, que me apaixonei pelos personagens, que esperava ansiosamente pelas próximas músicas dos episódios. E assistir essa última temporada está me fazendo relembrar dos bons e péssimos momentos dessa série que já teve seu momento de glória, assim como Sue Sylvester. Nesse episódio vimos Sue perdendo seu poder e tendo que atacar novamente para destruir o clube de coral. Já era de se esperar que ela treinaria, um dia, o clube rival. Por isso não fiquei surpresa com ela virando a nova treinadora do Vocal Adrenaline. Minha maior surpresa veio com Becky que teve uma crise de consciência e decidiu denunciar sua ex treinadora e melhor amiga.

De todas as pessoas do seriado, Becky não estava na minha lista de denunciar a treinadora mais odiada e amada do momento. Claro que essa atitude fez com que Sue percebesse quem são seus verdadeiros inimigos e isso virá com tudo nos episódios finais do seriado. Teremos, desta maneira, o tão aguardado momento Sue vs Will para ver quem é o melhor treinador de corais e minhas apostas estão todas com Will e o novo New Directions, que agora conta com a união dos Warblers que perderam tudo graças a um incêndio misterioso. Esse novo Glee Club tem tudo para vencer o Vocal Adrenaline, além de ser um presente para os fãs do seriado, pois quem nunca torceu para os Warblers levanta a mão? Ou torcia por união entre os dois corais? Good Luck New Directions Warblers!

Já Rachel continua destinada e esperar por um milagre. Sabemos muito bem que o destino dela é a Broadway e não adianta ela fujir disso. NYADA pode ter feito parte do sonho do passado dela, mas a chance dela voltar para lá poderá, justamente, ser a oportunidade dela ter seu reconhecimento no teatro. Assim como Sam, eu acredito no potencial dela e espero de verdade que os dois possam ficar juntos no fim da série. Samchel foi a coisa mais certa que Ryan Murphy fez nessa temporada e eu quero ver Rachel feliz com alguém que realmente goste dela e a encoraje a tomar difíceis decisões.

Agora o momento bomba do episódio: Sue foi demitida! Sim, a terrível, insana e treinadora Sue Sylvester perdeu o seu emprego. E para piorar seu dia, ela ainda teve momentos constrangedores num programa de TV, onde seus amigos, inimigos e todas as pessoas que ela foi má revelaram notícias bombásticas sobre ela. Até Joe, sim um dos vencedores de The Glee Project e que tínhamos esquecido de sua existência, apareceu na TV. E quem poderia imaginar que Michael Bolton não é o pai do filho da Sua? Pois bem, parece que nossa treinadora maluquinha mentiu muito na vida!


As músicas nesse episódio foram excepcionais e eu sentirei bastante falta desses covers. Com grande destaque para o embate entre Sue e Will que foi SENSACIONAL! Adorei ver os dois delirando com seus cabelos longos, remetendo o velho e bom rock & roll. O retorno da mãe Sylvester trouxe momento impagáveis e memoráveis. Sentirei falta disso. Sem mencionar a belíssima música escrita por Darren Criss. De todas as músicas originais escritas pelos atores de Glee, "Rise" foi a que melhor se encaixou na série. Além de ser viciante, a música tem um toque de esperança. Agora é só esperarmos para vermos o que nos resta nesses três últimos episódios de Glee
Share on Google Plus

About Gabriella Siggia

Formada em Direito, eterna estudante, bem humorada, alto astral e alegre, mora em São Paulo. Viciada em músicas, filmes e seriados americanos. Seriemaníaca de carteirinha! Mantém um blog pessoal em : http://gabyscseries.blogspot.com/ (@gabyever)
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário