Arrow 4x04 - Beyond Redemption



Agindo com o coração.

Havia um tempo em que eu esperava uma participação maior de papai Lance com o Team Arrow. Demorou para isso acontecer, mas quando aconteceu, foi simplesmente mágico. Capitão Lance deve ser o personagem mais bipolar no seriado, vencendo até as inconstâncias de Laurel. Ele já odiou o vigilante, já lutou ao lado dele, mas ao descobrir que Oliver Queen era o Arrow decidiu que era hora de odiar os vigilantes da cidade novamente até que conseguiu perdoar Laurel por ter escondido a morte de Sara e acabou aceitando que a filha é a nova Black Canary, porém, seu orgulho não deixa perdoar as atitudes de Oliver Queen.

E nesse início da 4ª temporada, Lance viu sua vida mudar completamente quando teve que aprender a trabalhar com Oliver e deixar seu orgulho de lado para proteger as pessoas da cidade. O problema é que ele anda fazendo negócios com Damien Darkh, o grande vilão dessa temporada (e se duvidar, da série). Mas tudo parece nos levar a outra faceta de Quentin Lance, justamente quando sua antiga força tarefa contra os vigilantes decide agir por conta própria e matar qualquer pessoa que passe pelo seu caminho. Nessa hora, Lance se vê obrigado a trabalhar com Oliver, Diggle, Felicity, Laurel e Thea, deixando de lado essa raiva que sente pelos heróis que protegem a cidade. 

Levá-lo até a caverna secreta da equipe foi um negócio arriscado, que envolve confiança e não sabemos até que ponto Lance ainda é confiável. Eu quero acreditar que existe ainda aquele Quentin Lance da primeira temporada escondido nele, mas não consigo enxergar quando ele pede ajuda para Damien para salvar a cidade e sua filha Sara, Algo me diz que ele mudou quando seu coração foi destruído com a morte da Sara e eu quero que essa magoa vá embora o quando antes para que ele se junte de vez com o Team Arrow. Culpar Oliver pelos problemas na cidade não é uma atitude de um homem como Lance, mas sabemos que ele ainda está sentido com tudo o que aconteceu em sua vida e com suas filhas. E agora que ele descobriu que Sara voltou dos mortos graças ao Poço de Lázaros, ele está mais ainda confuso com tudo o que está acontecendo. 

Nós sabemos muito bem que Laurel errou muito em trazer a irmã de volta, mas o retorno de Sara tem uma explicação: Legends of Tomorrow. Acontece que essa Sara que voltou não é a mesma Sara Lance que vimos usando o uniforme de Canary e a julgar pelas cenas da família Lance, o que Sara trouxe foi um problemão que piorá sua relação com Oliver e com seus amigos. Por um momento, eu achei que Lance fosse atirar na filha, mas ainda bem que Laurel apareceu para evitar que a culpa voltasse a castigá-lo por mais alguns anos. Agora é só esperarmos por Costantine para salvar a alma de Sara Lance no próximo episódio e que venha mais um caso de família entre os membros do Team Arrow

Com uma nova base secreta, Oliver decidiu contar aos amigos que está se candidatando à Prefeito, uma atitude nobre porém complicada para o herói. Ele quer provar que mudou para o Lance, mas sabemos que ser Prefeito não fácil para ele, nem pra ninguém. Ainda acho que muitas coisas acontecerão com essa candidatura, principalmente com os bandidos que não facilitarão para ninguém. Mas uma coisa é certa: Oliver vê em Capitão Lance uma figura paterna, figura essa que ele nunca teve visto os pais que ele teve. Por isso, ele ficou tão decepcionado quando descobriu que Lance encontrava-se às escondidas com Damien e a decepção ficou clara para Oliver. No final, depois de um jogo de sermão, parece que papai Lance acordou para a realidade e percebeu a burrada e a injustiça que andava fazendo com Oliver e acabou aceitando (e entendendo) o porquê dele se esconder atrás de uma máscara. E se naquele túmulo (visto na season premiere da 4ª temporada) tiver mesmo um corpo, fica cada vez complicado descobrir quem é que está nele, pois a julgar o andamento da temporada, qualquer um pode ter morrido.

Uma coisa é certa: Oliver Queen terá que fazer o impossível para salvar a sua cidade e salvar os seus amigos das burradas que eles mesmos se meteram. Enquanto isso não acontece, vamos curtir o seriado e tentarmos não enlouquecer com alguma morte precoce e curtir o novo lugar secreto super poderoso onde o Team Arrow se encontra para treinar e correr para salvar a cidade que tanto ama. Ah, se Laurel fosse tão diva como quando usa o uniforme de Black Canary eu poderia entender os motivos que levaram ela ressuscitar sua irmã, mas até agora só consigo enxergar uma garota mimada que viu uma oportunidade para recuperar o amor do pai por ter mentindo sobre o que realmente aconteceu com Sara Lance. 

Share on Google Plus

About Gabriella Siggia

Formada em Direito, eterna estudante, bem humorada, alto astral e alegre, mora em São Paulo. Viciada em músicas, filmes e seriados americanos. Seriemaníaca de carteirinha! Mantém um blog pessoal em : http://gabyscseries.blogspot.com/ (@gabyever)
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário