Chicago PD 3x03 - Actual Physical Violence


Do que você seria capaz pela sua família?

O brilhantismo de Chicago PD está em episódios como esse: ágeis, emocionantes e repletos de dramas. Dick Wolf fez o impossível para mostrar que o spin off de Chicago Fire pudesse sobreviver às sombras do original. E com maestria nos deu de presente um dos melhores seriados policiais da atualidade. É impressionante o quanto PD cresceu durante esses 3 anos e vem mostrando o seu reconhecimento na TV. Com personagens cativantes, roteiro impactante e uma ótima direção, não tem como não elogiar o episódio "Actual Physical Violence".

Bastou que um pai colocasse Mouse como refém para que toda a equipe de Chicago corresse contra o tempo para localizar a filha dele desaparecida, fato que a polícia acreditava ser uma escapadinha de adolescente. O caso foi tenso, deixando-me apreensiva com o que acontecia com as garotas, mas no final, a Inteligência conseguiu localizar a garota e salvar o dia. E claro que Erin teve seu destaque, mostrando a importância de ter retornado ao lugar onde pertencia. Por um momento eu jurava que a garota, vítima de tantas coisas (tadinha!), fosse cometer suicídio por não aguentar pelo o que passou, mas como Erin disse, ela era forte e foi essa força que a manteve viva durante todo esse tempo. 

Nossa amada heroína ainda sofrerá muito no seriado e agora que ela e Voight descobriram o que Bunny aprontou, já podemos esperar muito drama. Bunny é uma bitch da pior categoria e sabemos que Voight não deixará barato tudo isso, ainda mais quando o episódio acaba com a possibilidade de alguém querendo matar nosso amado chefão durão, colocando em risco não só a vida dele, mas a de seu filho, da sua nora e de seu neto. É, Justin tinha que voltar para a série só para deixar o paizão Voight mais próximo de se tornar o mais novo Emily Thorne (Revenge), ou vocês acham que ele vai deixar barato tudo isso? Nem quero ver a voadora que Bunny vai receber do Team Voight!!!

Erin me representa!!!
Mas não é só de tristeza que se vive nessa série. Temos Mouse e seu carisma que acabou nos contagiando. Quem poderia imaginar que esse rapaz, nerd, amigo de Jay poderia ganhar tanto destaque como ganhou nesse episódio? Pois bem, depois do que aconteceu com Nadia, não quero me apegar a mais ninguém, mas é impossível não amar o Mouse! Ele arrasou, divou e mostrou que é mais do que um hacker: ele é um herói que tem um bom coração. A forma como ele agiu ao ser mantido como refém, tentando se manter calmo e mostrando que poderia ajudar o "sequestrador", só provou o quão grandioso esse personagem é. E diante das atitudes que ele fez, ao ocultar as balas da arma só para livrar o pai da cadeira, só comprova a minha teoria: Antonio Dawson é um Zé Ninguém perto de Mouse, que nem aparece nos créditos do seriado (ou é tido como personagem principal). Então, vamos torcer para que Dick Wolf leve Antonio e minha xará de Fire com a sua academia de box para outro seriado, como Chicago Fight e promova Mouse e Burgess para Detetives da Inteligência. Os dois juntos detonam tudo!!!

Falando no figurante de lixo luxo, Antonio, foi bacana terem colocado ele para treinar a chata da filha de Alvin, ainda mais porque eu nem lembrava que ele tinha comprado uma academia de box - repararam a importância do personagem na série? Além disso, Alvin se viu na obrigação de contar toda a verdade para a sua esposa e para sua filha sobre o caso extraconjugal, mas também não precisava jogar a bomba daquele jeito. Ele poderia contar de outra forma, e com a ajuda de Platt, que continua divando e merecendo o lugar como a Dama de Honra de Burgess no casamento Burzek. Mas entendemos o lado de Alvin: se ele não contasse logo, a esposa iria perceber o sumiço do dinheiro na conta e acabaria descobrindo que ele fica dando dinheiro para uma delinquente, sem saber que essa delinquente é filha de Alvin com uma mulher com quem ele brincou de casinha enquanto se disfarçava de alguma coisa que nem lembro mais. Em suma, o casamento de Alvin acabou e não sabemos se ele voltará para a garagem ou dormirá na Inteligência!

PS: Enquanto Chicago Med não chega para a TV americana, seremos obrigados a ver os personagens circulando PD e Fire, até mesmo para insinuar que poderemos conhecer o pai da Erin em breve. Haja paciência com isso!!!
Share on Google Plus

About Gabriella Siggia

Formada em Direito, eterna estudante, bem humorada, alto astral e alegre, mora em São Paulo. Viciada em músicas, filmes e seriados americanos. Seriemaníaca de carteirinha! Mantém um blog pessoal em : http://gabyscseries.blogspot.com/ (@gabyever)
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário