Survivor 31x03 - We Got a Rat

"Drop your buffs!"

Esta temporada tem nome e sobrenome! Furacão Abi não para de causar danos por onde passa... Independente de gostar ou odiar, Abi é a razão principal para que a temporada esteja tão gostosa desde cedo. Continuo achando que Abi está mesmo tentando controlar seus impulsos apesar de que a treta com PG era claramente pessoal. Tirando a forma com que ela se dirigia a PG, ela não pareceu rude com nenhum outro membro da tribo, o que realmente me leva a pensar que ela está tentando melhorar (e, quem sabe se ela tivesse em Bayon, não conseguiria achar o "lado humano" que até Kass encontrou?). Abi, não importa em qual tribo está, movimenta o jogo, traz uma tonelada de drama e mantêm-se absoluta em nossos corações! Nem a mistura das tribos atrapalhou o brilho da brasileira - e ficou confirmado que Ta Keo é mesmo o círculo da pólvora, uma vez que sua maioria continuou tendo completo destaque no episódio enquanto os outros eram amolecidos, paulatinamente. 

Separados em 3 tribos, Bayon manteve Fishbach, Kimmy, Mônica (quem teve um depoimento nesse episódio e achamos que nunca veríamos isso, HAHAHAHAHAHA) e Jeremy, agregando Kelly e Spencer - e eu acredito que, pra este último, esta tenha sido a melhor coisa já acontecida no jogo -; Ta Keo manteve Kelley e Terry - adorei ele todo orgulhoso de seu jogo social ao passo que ela o minava para as outras mulheres, sempre mitando em seus depoimentos! - e adicionou Kass, Ciera, Joe e Keith; enquanto a nova tribo (Angkor) foi formada por Abi, Peih-Gee, Woo e Jeff da antiga Ta Keo e Savage e Tasha da antiga Bayon, exigindo bastante de cada um deles, uma vez que eles iniciaram do zero, sem comida ou material para construir o abrigo, por exemplo. Para Tasha, que tem um histórico de tribos complicadas (quem consegue esquecer a louca queimadora de arroz??), estes eram detalhes irrelevantes "I know what it's like to fight to stay in this game, so this, this is just round two for me," e, sempre aguçando seu poder de observação, ela percebeu que a indisposição Brasil x Hong Kong seria de grande valia para mantê-la no jogo. 

Na disputa por imunidade, a prova trazia um percurso envolvendo força - ao empurrarem uma carroça e carregarem os baús -, agilidade - para pegar a chave que abre os cadeados, montar e desmontar a carroça e livrar-se dos obstáculos do caminho -, e pensamento rápido - no que tange ao quebra-cabeça; em alusão a um desafio da temporada de Kass, Tasha e Spencer, em que eles perderam, aliás. Com a vitória de Ta Keo (alguém, por favor, evacua Joe desse jogo pra que possa ter alguma ação? Ninguém merece tanta paz e amor, isso daqui não é férias no campo... NINGUÉM MERECE!), seguido de Bayon, Angkor mal começou e já conheceu o gosto amargo do Tribal Council... até que Tasha interceptou Jeff mandando uma mensagem para Kelly sobre Kimmy e Monica, batizou o episódio e colocou o jogo do nosso queridinho em xeque. Jeff joga tão forte que quase acabou caindo do barranco. Precisa ter cuidado extra porque pode ser que vire um grande alvo daqui pra frente. Nosso corpo treme só de pensar da possibilidade dele ser eliminado pre-merge. O Klaus manda avisar que precisa desses olhos lindos por muitos episódios e, inclusive, pediu ele em casamento no twitter e foi favoritado... estamos tomando como um sim! 

Tivemos caos... sem Kass. Jeff conseguiu sair do epicentro depois do final da prova porque o drama entre Abi e Peih-Gee rende horas incalculáveis e Varner pôde respirar aliviado e apenas escolher um lado na hora da votação. O Tribal Council nos deu mais uma blindside - Woo, por favor, continue fazendo essas caras!! - os antigos Bayon ficaram em posição de destaque e seguros no jogo (ainda que estivessem em minoria)... até a semana que vem, rs. "Sometimes its all in how u look at it, this could be the beginning of a great underdog story," e eu concordo com o Probst! A honconguesa foi eliminada com 4x2 (Abi recebeu os outros dois, votada por PG e Woo, aliás), desejou boa sorte ao aliado, mas foi a Brazilian Dragon, mais uma vez, quem roubou a cena ao sorrir para o jogador de Cagayan e proferir: "second time you write my name." #Slay 

PS.: Na contagem pelo ídolo, Jeremy uniu-se a Kelley com um ídolo cada. SJDS people representando a temporada. Natalie andou dando umas aulas, hein?! Será que teremos mais um milionário vindo de San Juan?
PS¹.: Eu nem fiquei tão triste por PG sair quanto fiquei por não ter sido Savage o eliminado. Só o Klaus cria birra das pessoas por serem favoritos do Probst? E, por falar na tribo, as coisas parecem que vão piorar pra Angkor, hein? Rain, rain, go away... 
PS².: E, quanto a Spencer contagiado pelo sentimentalismo em Bayon e tentando mostrar vulnerabilidade ao não conseguir dizer 'eu te amo' pra namorada, eis o #SeloNicoleBahls
PS³.: Enquanto isso, no twitter, Shirin é oficialmente a  nova rainha do shade! Ela não cansa de jogar shade pra Abi e as tretas aqui fora são tão empolgantes quanto lá no jogo. Quanto a Jeff Varner,  sempre maravilhoso, uma ode à Brazilian Dragon:
Share on Google Plus

About Vanessa Reis

Hey 23, call me! (@neereis)
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário