Survivor 31x14 - Lie, Cheat and Steal (Season Finale)


Acabou!  E nós ainda não conseguimos acreditar que estaremos órfãos às quartas-feiras. Sem dúvidas, esta temporada entrou pro TOP 2 de quase todos os fãs de Survivor e não estamos sendo exagerados ao afirmar isto. Regada de blindside, reviravoltas, surpresas incríveis, riso e drama, o Cambodja foi cenário de 39  dias épicos e nós já estamos morrendo de saudade do samba semanal!

Todos sabemos o que significa uma SEGUNDA CHANCE e, se tem algo que o pessoal de San Juan Del Sur fez, foi aproveitar a sua! Particularmente, não sou fã do estilo de jogo do vencedor da temporada, uma vez que se torna maçante e não é legal de acompanhar - dificultando até para torcer -, mas nada pode tirar os créditos do jogador maravilhoso que o Jeremy é. E foi. Ele esteve, o tempo inteiro, numa aliança sólida, votando em blocos, tirando o alvo de si mesmo, contando com a artimanha de preservar 2 idols - e usando-os estrategicamente -, sendo emotivo e usando a 'carta família' aos 48 do 2º tempo, como quem encerra um grande show preparado apenas pra ele. Unânime! "This is all about Val, Jordan and Cameron. That’s it." Foi sincero, mas também muito bem jogado; manipulando os sentimentos do júri, sepultando toda e qualquer chance de Spencer conseguir ter seu nome, ao menos uma vez, endereçado ao cheque de 1 milhão de dólares.

Por falar em Spencer, ele realmente cresceu. Mas quanta arrogância num corpo tão pequeno, hein? Ele pode ter feito um bom jogo, alguns movimentos interessantes, mas falhou miseravelmente ao levar Jeremy pra final. Se Keith, Abi e Kelley tivessem seguido com ele e o F4 tivesse o mesmo desfecho, ele sairia campeão. Mas são muitos SE numa temporada de certezas e, mais certa que a vitória do marido da Val, foi a patética temporada da Tasha. O grande goat, o grande vexame, entrou muda e saiu calada no TC final e eu me recuso a gastar mais alguns caracteres falando dela.

A maior tristeza, o nosso maior choro e grito e colapso foi a última eliminação. Não estávamos preparados para nos despedir da dona da temporada, do Cambodja. Vê-la como a primeira eliminada na disputa final por imunidade e então cair no choro por saber que o jogo acabara ali, pra ela, cortou nosso coração. Ela jogou o tempo todo e que delícia é assistir a Kelley jogar! Que delícia foi torcer por ela em cada momento, a cada segundo!  RAINHA, RAINHA, RAINHA! Seria uma disputa INCRÍVEL caso ela e Jeremy disputassem o prêmio final porque, apesar de ambos terem feito um jogo forte - o dele mais velado -, ela trouxe emoção, a eliminação batia à porta todo dia, a gente repetiu WILL NOT COUNT várias vezes e somaram-se os 'big moves', e a parceria com Ciera e Abi, e os idols (e o fake idol!), e as caras e bocas pra câmera, os comentários... Ah, Wentworth... nós amamos você!

E, por falar em votos que não contam, alguém aqui já superou o TC que eliminou a Kimmi? FOR ELIZA'S FAKE IDOL!! Tudo ali, exatamente tudo, foi delicioso! Nunca todos os votos foram zerados por conta de 2 idols serem lançados e protegerem, exatamente, os únicos dois nomes escritos. Nunca as regras do jogo precisaram de tira-teima (pode isso, Arnaldo?) porque nunca as circunstâncias chegaram num ponto tão inimaginável daqueles. Kimmi e Tasha disputavam o lugar e tivemos NOVO EMPATE. REVOTE. EMPATE. Depois Keith cogitou sair em prol da defensora de Abrolhos Kimmi, o Fish ficou bestificado com tantos eventos inéditos descortinando aos seus olhos e o Jeff teve de, literalmente, desenhar pra que nada ficasse sem explicação. QUE NOITE, QUE NOITE!! Se esta foi a primeira temporada pra alguém, laçou a pessoa pra sempre. Pros fãs do reality, apenas reforçou o amor! Quanto a nós... ainda estamos tremendo!

A imprevisibilidade de Survivor, e eu acredito que essa seja a melhor coisa sobre o programa, é que a convivência muda  sua visão das pessoas. Eu detestei o fato do Keith ter sido escolhido pelos fãs pra voltar, por exemplo, mas terminei a temporada completamente encantada com ele. Ele é muito sem noção, engraçado, divertidíssimo de assistir seja esquecendo o nome da Tasha seja pilotando aquela moto envenenada. Ele contribuiu pras jogadas e o desenrolar do jogo? Não. Mas foi um deleite! Survivor não é apenas estratégia ou físico ou super inteligência ou qualquer estereótipo clichê, e ter um cast variado proporciona isso, tanto a funcionalidade no jogo quanto na tela - e quem une os dois é Joe, hein? Alguém duvida que ele vai quebrar os recordes de Boston Rob e Ozzy ao ser chamado mais algumas vezes? E o que dizer de Abi elegantíssima na reunion, distribuindo sorrisos e garantindo outro possível retorno? Fora que ela é a nova Eliza fazendo caras e bocas, chorando com Wentworth sendo eliminada e com o OTP de Jeremy e Val. Abi, nós te amamos e estamos com saudades! Por mais difícil que seja se despedir de uma temporada deliciosa (e nomeada ao Critics Choice Awards, YESSSSS), já temos algo para esperar... vem ai:

Survivor Kaoh Rong, a temporada 32, gravada nas mesmas imediações de Cambodja. É comum temporadas seguidas serem no mesmo país pela praticidade de locação, produção e tudo mais, além de que elas são gravadas praticamente em sequência. O que a gente pode saber sobre a temporada 32 é que ela foi gravada, na verdade, antes da 31 (Second Chance), num período que estava muito quente, sem chuva, e as condições dizem ter sido uma das piores de todas as 30 temporadas. Condições brutais acabaram acarretando desistência, evacuações médicas de participantes e da equipe e claro, muita gente testando seus limites. A próxima temporada traz o mesmo tema de Cagayan (cuja consagrou Spencer, Tasha, Kass e Woo), dividindo o cast em três tribos nas categorias: beleza, força e inteligência. A temporada tem muitos desafios pela frente uma vez que acompanhar o nível altíssimo da temporada atual e honrar o patrimônio da incrível Cagayan é complicado, hein? Na pior das hipóteses, vai ser uma Nicaragua da vida - se formos positivos pode ser como San Juan Del Sur, boa mas não tanto quanto a Blood vs Water original. Eu só espero que o Beast Mode Cowboy (Caleb ex-big brother) fique por bastante tempo pra ver essa beleza toda!


Aleatoriedades:

MELHOR TRIO

Momento MAIS ENGRAÇADO da final

Probst says: Kilgrave made me say it!

Quem foi vitimizado por Regina George já está morrendo de saudades da 31ª temporada?
Share on Google Plus

About Vanessa Reis

Hey 23, call me! (@neereis)
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário